• Curta Doar
  • Teresina 167 anos
  • Equatorial fullbanner
  • Casa dos salgados
  • Novo app Jornal O Dia

PM's que agrediram preso em delegacia de Piripiri são postos em liberdade

Eles foram soltos no último domingo e já estão de volta a seus postos no Batalhão do município. Os dois responderão em liberdade ao processo judicial

23/04/2019 08:10h - Atualizado em 23/04/2019 08:15h

.Os dois policiais militares presos administrativamente por agredir um suspeito dentro da Delegacia de Piripiri no último dia 11 foram liberados e retornaram a seus postos de trabalho no 12º Batalhão de Polícia Militar do Município. Eles foram soltos ainda no último domingo (21), quando deixaram o Quartel do Comando Geral, em Teresina, em direção ao interior.

Veja o vídeo:


A informação foi confirmada pelo comandante da Polícia Militar do Piauí, coronel Lindomar Castilho. De acordo com ele, os PM’s responderam à questão disciplinar e mesmo tendo retornado ao batalhão, não estão trabalhando nas ruas, ou seja, estão sem participar do policiamento ostensivo, desempenhando somente funções administrativas na sede do BPM.


Coronel Lindomar Castilho, comandante da PM-PI - Foto: Assis Fernandes/O Dia

“Não sabemos ainda se o procedimento vai resultar em uma denúncia à Justiça por parte do Ministério Público, mas mesmo em liberdade, eles estão respondendo ao inquérito policial militar e se confirmado que houve mesmo um desvio de conduta por parte deles, as consequências poderão ser gravíssimas”, explicou o coronel.

O preso que foi agredido pelos PM’s acabou sendo solto por audiência de custódia no mesmo dia em que as imagens começaram a circular. No entendimento do juiz Antônio de Oliveira, titular da 1ª Vara Criminal de Piripiri, a prisão de E. A. da S. foi ilegal. O magistrado levou em consideração o laudo do exame de corpo de delito feito pelo suspeito no qual ficaram constatadas as evidências da agressão.

Por: Maria Clara Estrêla

Deixe seu comentário