Com tiroteio e tentativas de homicídio, Teresina teve dia violento

Um corpo foi encontrado em uma lagoa na zona Norte, um adolescente foi alvejado no Cabral e policiais recebidos a tiros no Bela Vista.

26/07/2017 17:47h - Atualizado em 26/07/2017 17:58h

Compartilhar no

Teresina teve uma quarta-feira (26) marcada pela violência, com pelo menos quatro ocorrências de crimes contra a vida registrados pela Polícia Militar em menos de 24 horas. O primeiro caso aconteceu durante a manhã, quando o corpo de um homem, identificado como César Santos Vasconcelos, 32 anos, foi encontrado  com várias perfurações de arma branca às margens da Lagoa do Mocambinho. Nenhum suspeito do crime foi preso.

Já no começo da tarde, por volta das 14 horas, um adolescente de apenas 17 anos, identificado pelas iniciais B.G, foi alvejado com três tiros na cabeça na Rua Mato Grosso,  bairro Cabral, próximo à sede da OAB-PI. O rapaz estava acompanhado da namorada quando foi abordado por uma dupla em uma moto. Ele foi levado inconsciente, mas ainda respirando, para o HUT.

Cerca de duas horas depois, desta vez na zona Sul de Teresina, policiais da Delegacia de Homicídios foram recebidos a tiros na divisa entre os bairros Bela Vista e Lourival Parente. De acordo com o capitão Fábio Soares, do 6º BPM, os agentes circulavam em um veículo descaracterizado, quando foram surpreendidos por criminosos anunciando um assalto.

“Eles abordaram sem imaginar que ali se tratava de carro da polícia e os agentes reagiram, como era de se esperar. Houve uma troca de tiros, mas ninguém se feriu e os suspeitos acabaram fugindo”, relata o capitão Fábio. O caso foi encaminhado para o Distrito Policial da área e os PM’s fazem diligências à procura do grupo.

Quase simultaneamente à ação com os policiais da Homicídios, um homem, ainda não identificado, foi baleado na Vila Concórdia, também na zona Sul. De acordo com o capitão Fábio, ele foi atingido nas pernas e nas costas, mas resistiu aos ferimentos, sendo encaminhado para o HUT. A PM acredita que o crime tenha sido motivado por alguma desavença entre a vítima e os suspeitos, que seguem foragidos.

Policial do Piauí foi morto em Timon

Enquanto em Teresina o clima era de tensão em algumas zonas, em Timon, o capitão da Polícia Militar do Piauí, Antônio Carlos Pintos de Farias , foi assassinado por volta das 14h45 em uma tentativa de assalto a um restaurante localizado na avenida Presidente Médici.


O capitão da Polícia Militar do Piauí, Antônio Carlos Pintos de Farias, foi assassinado em uma tentativa de assalto. (Foto: Divulgação/PM

Os dois suspeitos do crime se evadiram do local, mas um deles, atingido pelos disparos efetuados pelo PM, foi capturado próximo a linha do trem e conduzido para o HUT. O outro segue foragido.

Compartilhar no
Por: Maria Clara Estrêla

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário