Obra no viaduto da Barão de Gurgueia segue sem prazo para ser concluída

Iniciada há três anos, a obra aguarda licitação para poder ser entregue. Processo licitatório foi anunciado em maio, mas três meses depois ainda não foi aberto.

23/08/2021 11:35h - Atualizado em 23/08/2021 12:02h

Compartilhar no

A construção do viaduto da Avenida Barão de Gurgueia, em Teresina, segue sem um prazo definido para ser entregue à população. Isso porque o processo licitatório que foi anunciado em maio deste ano pela Prefeitura de Teresina ainda aguarda a assinatura do prefeito Dr. Pessoa para ser iniciado. Logo, a empresa que deverá concluir a obra ainda não foi escolhida.

Em maio, quando anunciou o processo licitatório para concluir o viaduto, a SAAD Sul (Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas) deu prazo de 90 dias para que a obra fosse entregue. Esse prazo se encerraria agora em agosto. Nesta segunda-feira (23), o Portalodia.com procurou o órgão para saber sobre a execução dos serviços e foi informado que a construção deve encerrar em 90 dias a partir da conclusão da licitação, que ainda não foi aberta pelo poder público.


Foto: Assis Fernandes/O Dia


Leia também: Viaduto da Tabuleta deve ser concluído em 90 dias, diz superintendente da SAAD 


As fichas de autorização da licitação foram entregues na semana passada ao prefeito Dr. Pessoa pelo superintendente da SAAD Sul, Juca Alves e aguardam assinatura.

 “Ainda não tem empresa escolhida. A obra do Viaduto da Tabuleta está parada aguardando apenas o processo licitatório, que no momento aguarda a assinatura da ficha de licitação pelo prefeito para que a obra seja entregue à construtora responsável. Da nova licitação, o prazo é de 90 dias para a conclusão”, diz a nota.

Segundo a SAAD Sul, ainda falta executar 18% da obra do viaduto da Barão de Gurgueia para que ele seja finalizado e entregue à população. O valor da planilha orçamentária aprovada para o serviço é de R$ 4.137.225,88. A obra começou em 2018 e recebeu R$ 25 milhões em recursos, parte oriundos de um convênio com a Caixa Econômica e parte com contrapartida da Prefeitura.


Foto: Assis Fernandes/O Dia

E enquanto a obra do viaduto não é entregue, o trânsito na região da Tabuleta na Avenida Barão de Gurgueia fica confuso, sobretudo por conta da falta de sinalização. Para quem passa pelo local todos os dias os congestionamentos são costumeiros. 

“Atrapalha o trânsito, porque é uma obra que parece que está quase desativada há mais de anos esperando conclusão. Todo dia tem batida e confusão aqui sem sinal de trânsito. A obra está empatando a visibilidade dos motoristas de um lado e de outro”, relata Francisco Barbosa, que trabalha no ramo do transporte e excursões.

O problema da sujeira no canteiro de obras também afeta a saúde de quem trabalha perto. “É poeira demais, porque os caminhões passam, sobe uma terra e cobre tudo, sem contar que alguns carros entram na contramão. Acidente aqui sempre tem e batida quase todo dia”, conta a comerciante Amparo Moraes.

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário