Lei Maria da Penha será obrigatória em escolas municipais de Teresina

A obrigatoriedade ocorre devido a lei idealizada pelo vereador Enzo Samuel, sancionada pela Câmara Municipal

23/07/2021 12:38h - Atualizado em 23/07/2021 12:55h

Compartilhar no

A partir de agora, as escolas municipais de Teresina deverão incluir na grade curricular a Lei Maria da Penha, como forma de conscientizar crianças e adolescentes sobre o combate a violência contra a mulher e aos direitos humanos. A obrigatoriedade sansão da lei idealizada pelo vereador Enzo Samuel, aprovada pela Câmara Municipal de Teresina.


Leia  também:

Estupro de vulnerável cresce 13% no Piauí, aponta Anuário de Segurança 
Em 2021, mais de mil mulheres vítimas de violência já buscaram atendimento especializado 


“Ao longo dos últimos anos percebemos avanços para a proteção das mulheres vítimas de violência de gênero. Precisamos cada vez mais diminuir as estatísticas de feminicídio e lutar por mais políticas em defesa dos Direitos das Mulheres. Por isso, vamos continuar trabalhando por esta pauta que merece o máximo da nossa atenção”, comentou o parlamentar.

(Foto: Michael Appleton /Mayoral Photography Office /Fotos Públicas)

Segundo dados recentes do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, que traz um recorte desse período da pandemia, uma mulher é agredida fisicamente a cada dois minutos. Outro dado revela que, a cada oito minutos uma pessoa do sexo feminino é vítima de estupro.

O Projeto tem como objetivo estimular discussões e reflexões sobre o combate à violência contra a mulher, bem como conscientizar a comunidade escolar da importância e do respeito aos direitos humanos.

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário