Ziza Carvalho defende critérios para entrada de deputados no PT

Ziza comentou que ao longo das eleições petistas considerados históricos foram deixados de lado para ajudar na eleição de adilados

13/07/2021 14:22h - Atualizado em 13/07/2021 14:36h

Compartilhar no

O deputado estadual Ziza Carvalho (PT) defende que o PT estabeleça critérios rígidos para a filiação de deputados de mandatos para a disputa das eleições de 2022. Nos bastidores, comenta-se uma articulação do governador Wellington Dias para reduzir a quantidade de partido da base, o que faria com que atuais parlamentares de outras siglas ingressassem no PT.


Leia tambémCiro Nogueira diz que pesquisas decidirão candidato da oposição 


Ziza comentou que ao longo das eleições, petistas considerados históricos foram deixados de lado para ajudar na eleição de adilados. Em entrevista ao programa O Dia News, da O Dia Tv, ele citou João de Deus e Magalhães como exemplo de membros da sigla que foram sacrificados em prol de alianças. 

Foto: Jailson Soares / O Dia 

“O PT deve ter um critério. Temos petistas históricos dentro do partido que ajudaram a construir, que quando na oposição se mantiveram no partido, que no antipetismo permaneceram fieis e que estão sendo sacrificados eleição após eleição, servindo de escada para eleger outros deputados que não têm compromisso ideológico com a legenda”, disse. 

Ziza Carvalho negou ue esteja deixando a sigla para retornar ao PDT. Ele comentou que a suposto interesse de líderes em se filiar do PT é motivado pelo desempenho do ex-presidente Lula nas pesquisas de opinião na disputa do Palácio do Planalto. 

“O PT hoje tem plena condições de sair das eleições de 2022 sendo a maior bancada de deputados estaduais e federais. Temos um pré-candidato a presidente que está voltando com força total, o presidente Lula. Temos um possível candidato a governador, o Rafael Fonteles, que nos dará um palanque muito competitivo. O PT está atraindo possíveis candidatos”, disse. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário