• Campanha da Santa Missa
  • Vencer 03
  • Vencer 02
  • Vencer 01
  • Prerrogativas da advogacia
  • Peregrinos da fé
  • Novo app Jornal O Dia

No senado, Elmano Férrer cobra mais apoio ao agronegócio

“92% da exportação do Piauí vêm através da produção dos cerrados”, disse o parlamentar.

19/02/2020 08:29h

O senador Elmano Férrer (Podemos) cobrou uma política eficiente de incentivo a produção rural no Piauí, sobretudo na região Sul do estado. O parlamentar declarou que o setor é muito importante para o desenvolvimento econômico do Piauí. “92% da exportação do Piauí vêm através da produção dos cerrados”, disse.


Leia também: Elmano quer resgatar pontos do pacote anticrime de Sérgio Moro 


Segundo o parlamentar, muitos desses produtores chegaram ao estado ainda na década de 1990, após estudos da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) atestarem a viabilidade produtiva da região, mas ainda permanecem desassistidos pelo poder público.


O senador citou a regularização fundiária como ponto essencial para o desenvolvimento do setor - Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

“Começaram como verdadeiros bandeirantes e transformaram a região num celeiro de produção de soja, milho e algodão, entre outros (...) foram para a região com a certeza de que encontrariam condições mínimas para a produção, ou seja, estradas, energia e, sobretudo, regularização fundiária", afirmou Férrer.

No ano passado, a Assembleia Legislativa (Alepi) aprovou uma nova política de regularização fundiária piauiense. A estimativa é que cerca de 12,5 milhões de hectares, dos mais de 25 milhões de terras devolutas que pertencem ao Estado, sejam regularizadas, medida que deve proporcionar maior segurança jurídica aos produtores rurais.

Por: Breno Cavalcante, do Jornal O Dia

Deixe seu comentário