• Piauí Férias de Norte a Sul
  • SOS Unimed
  • Ecotur 2019
  • Novo app Jornal O Dia

Henrique Pires: 'É zero a chance de MDB indicar o vice de Fábio Abreu'

Deputado emedebista comentou declarações feitas por Fábio Abreu e Carlos Augusto, que disseram que Dr. Pessoa seria um bom vice na chapa encabeçada pelo PL.

02/07/2019 14:36h - Atualizado em 02/07/2019 15:33h

O deputado Henrique Pires (MDB) refutou de forma veemente as declarações feitas por integrantes do PL (antigo PR) de que o ex-deputado Dr. Pessoa, que vai se filiar ao MDB, seria um bom nome para ser o candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada pelo PL em 2020.

deputado federal Fábio Abreu (PL) declarou que Dr. Pessoa somaria muito se aceitasse compor a coligação liderada pelo PL. Já o deputado estadual Carlos Augusto (PL) chegou a declarar que seria um sonho ter o ex-candidato a governador do estado como vice de Abreu nas eleições municipais do próximo ano.

Henrique Pires disse que não há nenhuma possibilidade de o MDB abrir mão da candidatura própria à Prefeitura de Teresina no pleito de 2020, e acrescentou que seu nome está à disposição do partido para a missão.

O deputado estadual Henrique Pires (Foto: Poliana Oliveira / O DIA)

"Não há chance alguma de indicar vice do meu amigo deputado federal Fábio Abreu. Gosto muito dele, é um homem de bem, mas não existe essa possibilidade. É zero! Todo o MDB [concorda] - o Marcelo [Castro], o Themístocles, eu, os deputados estaduais, os vereadores da capital e o nosso futuro membro Dr. Pessoa. Estamos trabalhando também a vinda do Silvio Mendes, através do Marcelo Castro", afirmou Pires, enfatizando que o partido pretende formar um amplo leque de opções para a disputa.

Para o deputado, a larga experiência do MDB na política deve ser um diferencial que vai fortalecer a sigla no pleito vindouro. 

"O MDB tem uma experiência grande, já foi governo do Piauí quatro vezes, teve senadores que se destacaram a nível nacional de forma positiva, temos hoje um deputado federal, um senador e seis deputados estaduais. Já indicamos vice de A, B e C. Agora não. Nós teremos candidato próprio sim", assegura Henrique Pires.

Por: Cícero Portela

Deixe seu comentário