Polícia deflagra operação para prender acusados de feminicídio em Teresina

Cinco pessoas já foram presas nesta manhã na operação Dandara dos Palmares. Em 2021, Piauí já registrou 22 feminicídios de janeiro a setembro.

24/11/2021 08:38h - Atualizado em 24/11/2021 09:54h

Compartilhar no

A Polícia Civil, por meio do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) deflagrou uma operação na manhã desta quarta-feira (24) para cumprir mandados de prisão contra acusados de feminicídio em Teresina. A ação, que foi denominada de Dandara dos Palmares, é coordenada pelo Núcleo de Feminicídio e já resultou na prisão de cinco pessoas.


(Foto: O Dia)

As prisões ocorrem um dia após dados da Secretaria de Segurança Pública revelarem que a cada 24 horas, 18 mulheres são vítimas de violência doméstica no Piauí. Só de janeiro a setembro de 2021, a polícia contabilizou 22 feminicídios no Estado.

O coordenador do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa(DHPP), delegado Francisco Costa, o Baretta, ressalta o trabalho realizado pela Delegacia Especializada em Feminicídio, coordenada pela delegada Nayana Paz, e pontua que mais operações serão realizadas. 

“A mulher no Estado do Piauí pode até perder a vida, mas não por inércia da polícia civil. Nós estamos dando a resposta e continuaremos dando. Aqui, mulher não se bate nem com uma flor. Aqui não é repertório de melodia, é a prática adotada por nós, e a delegada Nayana, com sua equipe, fez um brilhante trabalho. Hoje desencadeamos essa operação, que será rotineira, inclusive com o apoio de algumas delegacias distritais de Teresina”, acrescenta.

(Foto: Jorge Machado/ODIA)

O delegado geral da Polícia Civil do Piauí, Luccy Keiko, destaca que o DHPP, através da Delegacia de Feminicídios, instaurou inquérito para apurar os casos de feminicídios cometidos em Teresina, chegando a autoria desses crimes e cumprindo, na manhã de hoje, os mandados de busca e de prisão. 

“Conseguimos prender quatro indivíduos envolvidos com esses crimes, apreendemos motos roubadas, munições, e o DHPP está dando respostas para esses crimes em que foram vítimas três mulheres em Teresina”, disse.

O Piauí é destaque no combate aos crimes contra mulheres e conta com as delegacias das Mulheres, com medidas preventivas e requerendo as medidas protetivas, além da Delegacia de Feminicídio, que acompanha o DHPP, que faz um trabalho de elucidação.

Aguarde mais informações.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário