Homem agride e tenta matar a própria mãe na zona Sul de Teresina

Identificado como Keké, ele já tem passagens pela polícia por envolvimento com o tráfico e roubo. Mãe relata desespero.

07/07/2021 09:11h

Compartilhar no

Um homem, identificado apenas pela alcunha de Keké, foi preso na noite desta terça-feira (06) na zona Sul de Teresina, acusado de ameaçar, agredir e ter tentado matar a própria mãe. De acordo com a PM, ele quebrou tudo que havia em casa no meio de um ataque de fúria e atentou contra a vida da senhora, que, no desespero de fugir do filho, correu a acionar a polícia.


Leia também: Filho mata a própria mãe a pauladas e pedradas no Lourival Parente 


Antes do episódio da agressão à mãe, Keké já havia sido alvo de outra ação policial na zona Sul da capital no dia de ontem. Por volta das 14 horas, ele foi abordado por policiais do 1º BPM agredindo verbalmente e ameaçando clientes em frente ao Banco do Brasil da Avenida Barão de Gurgueia. “Conseguimos dominá-lo e o mandamos para casa. Quando foi de noite, recebemos o chamado via COPOM informando que um indivíduo bastante agressivo tinha agredido e havia tentado matar a própria mãe. Chegamos ao local e nos deparamos com ele novamente”, relatou o sargento César.


Foto: Reprodução

Segundo o levantamento feito pela Polícia Militar, Keké é usuário de entorpecentes e já tem passagens pelo sistema prisional por envolvimento com o tráfico e roubo. Em conversa com o Portalodia.com, a mãe de Keké informou que ele passou quatro anos preso na Penitenciária Irmão Guido e depois na Colônia Agrícola Major César.

“Ele voltou até bem, mas dois meses depois se envolveu de novo com as drogas e voltou a ficar agressivo. Ele já destruiu tudo dentro de casa, já vendeu tudo que podia pra comprar droga, vive ameaçando a mim e ao irmão e eu vivo com medo, trancada o tempo todo e assustada pensando que a qualquer momento ele pode me matar”, relata a senhora. Para preservar a identidade da vítima, a reportagem não divulgará seu nome.

Após ser autuado, Keké ficou recolhido a uma cela na Central de Flagrantes e deverá passar por audiência de custódia no dia de hoje. 

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário