• Banner Cultura Governo do PI
  • Obras no Litoral Cultura
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Ex-vereador e falso policial são presos por ameaçar empresário

Lucas Alan Caminha de Oliveira usava uma documentação falsa da PM do Maranhão e um simulacro de pistola para intimidar as vítimas.

05/11/2019 09:32h - Atualizado em 06/11/2019 12:07h

Dois indivíduos identificados como Lucas Alan Caminha de Oliveira e Washington Ferreira de Carvalho foram presos na tarde de ontem (04) suspeitos de ameaçarem um empresário proprietário de um restaurante localizado na avenida Ininga, na zona Leste de Teresina.



Leia também:

Homem é executado com quatro tiros na cidade de Timon 


Segundo informações do delegado Ademar Canabrava, do 12º Distrito Policial, a dupla estaria cobrando dinheiro do empresário e teria dado até meio-dia de ontem para que o débito fosse pago. Os suspeitos chegaram a ir até a residência do empresário para amedrontar a vítima.

Simulacro e documentos apreendidos com a dupla. (Foto: Chico Filho/O Dia)

"Ele fez o boletim de ocorrência por volta de meio-dia e combinamos com ele que ele marcasse com os dois no restaurante dele na Avenida Ininga. Quando os dois indivíduos chegaram lá, nos os abordamos e apreendemos com eles uma pistola simulacro e uma carteira falsa da Polícia Militar do Estado do Maranhão", relata o delegado.

Após entrar em contato com o comando da PM do Maranhão, foi constatado que o indivíduo Lucas Alan Caminha de Oliveira não pertencia aos quadros da corporação e usava o documento de identificação falso para intimidar as vítimas. 

Prisão foi coordenada pelo delegado Ademar Canabrava, do 12º DP. (Foto: Chico Filho/O Dia)

Já o outro suspeito, Washington Ferreira, é ex-vereador da cidade de Novo Oriente, a 235 km de Teresina, e alegou para a Polícia que participava do esquema por estar desempregado.

"Vão ser indiciados por ameaça e exercício arbitrário [aquele que fizer justiça pelas próprias mãos para satisfazer pretensão sua] e com certeza eles estão cobrando outras pessoas também", afirma o delegado.

Com a dupla também foram encontrados vários cartões de crédito e de instituições bancárias. Todo o material apreendido será periciado para atestar se também foram falsificados.

Os dois foram presos e conduzidos à sede do 12º DP, no bairro Planalto, zona Leste de Teresina.


Por: Nathalia Amaral, com informações de Chico Filho.

Deixe seu comentário