Op. Agosto Lilás: sobe para 15 o número de presos por feminicídio e estupro no Piauí

A Polícia Civil cumpre 21 mandados de prisão em Parnaíba, Piripiri e Picos contra acusados de violência contra a mulher.

19/08/2021 07:59h - Atualizado em 19/08/2021 11:29h

Compartilhar no

Atualizada às 11h28min

Por volta das 11h, a Polícia Civil atualizou a quantidade de presos na Operação Agosto Lilás: agora são 15 mandados de prisão já executados com sucesso e com os seus alvos presos. As ações seguem durante todo o dia até que todas as 21 ordens de prisão sejam executadas nas cidades de Teresina, Piripiri e Parnaíba. Os acusados respondem por crimes como feminicídio, estupro, lesão corporal e ameaça praticados contra mulheres, mas entre eles também há acusados de tráfico de drogas, homicídio e roubo. 

A Operação Agosto Lilás faz alusão ao mês de aniversário da Lei Maria da Penha, comemorado no dia 07 de agosto, e permeia as ações de combate à violência contra a mulher.


Iniciada às 07h59min

A Polícia Civil, por meio do Departamento Estadual de Proteção à Mulher, está dando cumprimento a uma série de mandados de prisão contra acusados de crimes como femiicídio, estupro, lesão corporal e ameaça. Trata-se da Operação Agosto Lilás, que conscientiza para o fim da violência contra a mulher. Ao todo, estão sendo cumpridas 21 ordens judiciais e pelo menos 13 pessoas já foram presas.


Leia também: Delegado de Parnaíba é preso por estupro de vulnerável 



Foto: Divulgação/Secretaria de Segurança do Piauí

Os alvos dos mandados de prisão estão localizados nas cidades de Teresina, Piripiri e Parnaíba. "São pessoas que estão sendo presas acusadas não só de violência contra a mulher, como também crimes como tráfico de entorpecentes, homicídio, roubo e furto. São pessoas perigosas sendo presas no Piauí depois de uma minuciosa investigação pela Polícia Civil com a homologação do Judiciário e do Ministério Público", destacou o secretário de Segurança, Rubens Pereira.

Participam da ação a Delegacia Estadual de Capturas (DECAP), a Força Tarefa da Secretaria de Segurança, o Departamento Estadual de Proteção à Mulher, a Delegacia da Mulher de Teresina Sul, a Delegacia Regional de Parnaíba, assim como a Delegacia de Combate ao Homicídio, Tráfico de Drogas e Latrocínio de Parnaíba.

Dão apoio a Delegacia de Luís Correia, o 2º BPM de Parnaíba e também o Grupo de Atendimento Especializado à Criança, ao Idoso e à Mulher.


Aguarde mais informações

Compartilhar no
Por: Com informações da Secretaria de Segurança Pública do Piauí

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário