PPP do aeroporto de Parnaíba tem previsão de R$ 112 milhões em investimento

A estimativa é que a companhia vencedora promova reforma, ampliação e ainda a construção de um terminal de cargas.

28/05/2021 14:12h - Atualizado em 28/05/2021 14:18h

Compartilhar no

A Parceria Público Privada (PPP) do Aeroporto Internacional de Parnaíba Prefeito Dr. João Silva Filho tem previsão de investimento da ordem de R$ 112 milhões durante os 32 anos de validade da concessão. A estimativa é que a companhia vencedora promova reforma, ampliação e ainda a construção de um terminal de cargas .


Leia tambémAeroporto de Teresina é arrematado pela Companhia de Participações em Concessões 


Na última quinta-feira (27), durante apresentação dos estudos de viabilidade do projeto para empresários e representantes da Associação Brasileira do Desenvolvimento da Infraestrutura de Base (Abdib), o governador Wellington Dias afirmou que essa é a grande aposta do Estado para o desenvolvimento do turismo no litoral piauiense. 

“Esta é uma região que tem um potencial valoroso para o turismo, com o Delta do Parnaíba, ao lado dos Lençóis Maranhenses, de Camocim, Jericoacoara. Mas também tem potencial na produção de alimento, na fruticultura, piscicultura e outras áreas”, destacou o governador. “São agora R$ 100 milhões esperados e nessa parceria colocar essa região à disposição para a visitação e para o comércio do nordeste, do Brasil e do mundo”, completou. 

Foto: Divulgação / Suparc

O Aeroporto Internacional de Parnaíba tem 2.500 metros de pista e nos últimos quatro anos, segundo o governo, uma média de oito mil passageiros passaram pelo local. Com a obra de ampliação da pista e entrada da empresa aérea Azul fazendo linhas ao aeroporto, a movimentação atingiu o pico de 14,8 mil passageiros. 

A projeto desenvolvido pela Superintendência de Parcerias e Concessões (Suparc) teve acompanhamento da Secretaria da Aviação Civil do Governo Federal, focando na modernização da infraestrutura do aeroporto e melhorias na prestação dos serviços para o usuário.

Wellington Dias justificou aos empresários que Parnaíba é a segunda maior cidade do estado do Piauí, com diversos polos geradores de viagem como universidades, hospitais, centros de tecnologia e área de produção agrícola e industrial.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário