Miguel Alves registra reinfecção por malária; pacientes passam bem

Dos 13 casos confirmados, três pacientes apresentaram reinfecção. Todos eles já foram medicados e passam bem, conforme o município

27/09/2021 11:49h - Atualizado em 27/09/2021 11:55h

Compartilhar no

A Secretaria Municipal de Miguel Alves, a 110 km de Teresina, confirmou ao Portal O Dia.com na manhã desta segunda-feira (27) três casos de reinfecção por malária na cidade. Todos os pacientes já foram medicados e passam bem. Ao todo, 13 casos foram confirmados no município.

Em meio ao surgimento de três novos casos da doença na cidade de Joaquim Pires , que foram divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) hoje, a secretária municipal de saúde de Miguel Alves, Leopoldina Cipriano, informou que as ações para controle do vírus já foram iniciadas e, inclusive, com o apoio da cidade.

Foto: Jailson Soares/ODIA 

“O que temos de informação em relação a Joaquim Pires é que os pacientes já foram medicados e estão sendo acompanhados pelo município. Nós emprestamos, inclusive, mosquiteiros para ajudar nas ações. Agora pela manhã houve uma reunião com órgãos de controle para determinar as ações na cidade que ficara à cargo da secretaria da cidade”, esclareceu.

Em relação ao município de Miguel Alves, onde Leopoldina esteve à frente das ações, foram confirmados um total de 13 casos de malária, sendo que três pacientes tiveram reinfeção. Um dos pacientes veio do estado do Pará.

Foto: Jailson Soares/ODIA 

“No Piauí, os casos sempre aparecem de pacientes que veio de outros Estados. Tivemos um total de 13 casos, sendo que três pacientes tiveram reinfecção. Eles já foram medicados e estão bem”, disse

“Nosso município contou ainda com o auxílio de seis técnicos do Ministério da Saúde que ajudaram na capacitação das equipes. Além disso, todas ações foram coordenadas para inibir a propagação do vírus”, finaliza. 

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário