Falta de manutenção é uma das principais causas de incêndios em prédios no Piauí

Nessa semana, um incêndio de grandes proporções atingiu um depósito no Centro de Teresina e trouxe a discussão à tona

05/05/2021 15:02h - Atualizado em 05/05/2021 15:18h

Compartilhar no

O Corpo de Bombeiros do Piauíalertou nesta quarta-feira (05) sobre a necessidade de manutenção elétrica periódica, por parte de donos de imóveis, para evitar incêndios em prédios.

Foto: Assis Fernandes/ODIA

Nessa semana, um incêndio de grandes proporções atingiu um depósito no Centro de Teresina  e trouxe a discussão à tona. A capital piauiense guarda em sua arquitetura urbana as marcas do seu passado histórico, com edificações antigas que viraram lojas, escritórios, depósitos e empresas. Por isso, há a necessidade de manutenção constante para evitar acidentes.

Foto: Assis Fernandes/ODIA

Segundo o Corpo de Bombeiros, os proprietários são obrigados a seguir as diretrizes estabelecidas na Lei de Combate e Prevenção de Incêndios, que entrou em vigor em 2017. Em caso de incêndio que for constatado o descumprimento dos cuidados de manutenção, o responsável pela edificação pode ser multado.

“A responsabilidade pelo uso é do proprietário. Nós exigimos informações constantes no processo de regularização do imóvel, que é da responsabilidade dele. Inclusive o que chamamos de carga de incêndio, que é a quantidade de material combustível que há armazenada em determinado prédio”, disse Major Veloso, do Corpo de Bombeiros.

Foto: Assis Fernandes/ODIA

“Nessa classificação temos diversos perfis que identificam essa carga de incêndio e, em função dela, é que eu terei essas medidas de segurança contra incêndio que será exigida no local”, completa.

O presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Piauí (CAU-PI), Wellington Camarço, explica que independentemente de o prédio ser antigo ou moderno, é fundamental a instalação de equipamentos de proteção contra incêndios e manutenção das instalações elétricas.

Foto: Assis Fernandes/ODIA

“A maioria dos casos que envolvem acidentes com incêndio, surgem nas instalações elétricas, em algum aparelho antigo ou mal instalado. Então o que deve ser levado em consideração: imediatamente ao se instalar em qualquer edifício, seja antigo ou novo, este precisa passar por uma revisão. Você precisa ter um profissional que tenha conhecimento e que faça a verificação da capacidade dessa rede de energia interna”, finaliza. 

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário