Corretor assassinado: Polícia investiga se carro incendiado foi usado por bandidos

O veículo foi encontrado por populares ainda em chamas na Estrada da Alegria, zona Rural de Teresina, poucas horas após o crime.

03/12/2020 13:08h - Atualizado em 03/12/2020 13:31h

Compartilhar no

Um carro modelo Renault Sandero está sendo periciado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) para confirmar se teria sido o veículo usado pelos criminosos que executaram a tiros o corretor de veículos Francisco Ismael, na tarde de ontem (02).

Foto: Jailson Soares/O Dia

O veículo foi encontrado por populares ainda em chamas na Estrada da Alegria, zona Rural de Teresina, poucas horas após o crime. No local do incêndio, a polícia ainda encontrou um par de sandálias e fósforos, objetos que também passarão por perícia para constatar se há algum indício que leve a Polícia aos suspeitos de terem cometido o crime.

Para a Polícia, ainda é cedo para afirmar que o veículo incendiado foi usado pelos bandidos e somente após perícia será possível atestar que teria sido o mesmo carro usado no assassinato do corretor.

Foto: Jailson Soares/O Dia

Apesar disso, o fato do carro ter sido encontrado abandonado em um local de pouco acesso e sem nenhuma identificação que leve aos proprietários, levanta a suspeita de que o veículo teria alguma relação com o crime. 

"Esse tipo de incêndio é muito estranho, a não ser que tenha havido uma falha mecânica, mas sendo uma falha mecânica geralmente os proprietários estão próximos, como não estão, nos leva a crer que esse veículo é produto de roubo ou teria sido usado em outro evento criminoso e foi colocado aqui para tentar suprimir alguma prova", explica capitão Izenilson, da Companhia Independente do Promorar.


Entenda o caso

O corretor de veículos Francisco Ismael, de 37 anos, foi morto com vários disparos de arma de fogo na tarde desta quarta-feira, em uma loja de veículos localizado na Avenida Barão de Gurgueia, na zona Sul de Teresina. De acordo com informações da Polícia Civil, a vítima chegou à loja e, após estacionar o carro na porta do estabelecimento, um segundo veículo se aproximou e dois suspeitos encapuzados dispararam contra o corretor. Cerca de 15 disparos atingiram o veículo da vítima e outros dois carros que estavam no local. Ao todo, a estimativa é de que 25 a 30 disparos foram efetuados pelos criminosos.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Por: Nathalia Amaral e Chico Filho.

Deixe seu comentário