Abono salarial: Governo antecipa benefício para nascidos em maio e junho

Mais de 7,5 milhões de trabalhadores terão direito ao saque do benefício nessa etapa do calendário

06/02/2021 13:27h

Compartilhar no

O Governo Federal e a CAIXA antecipam para a próxima terça-feira (09/02) o pagamento do Abono Salarial 2020/2021 para os trabalhadores nascidos em maio e junho que receberiam os valores devidos a partir do dia 17 de março. Com a antecipação do calendário, esses beneficiários receberão juntamente com os nascidos em março e abril.

Mais de 7,5 milhões de trabalhadores terão direito ao saque do benefício nessa etapa do calendário, totalizando mais de R$ 5,9 bilhões em recursos disponibilizados. Esses valores poderão ser movimentados pelo aplicativo CAIXA Tem, que segue disponível para mais de 105 milhões de brasileiros de maneira gratuita.

A plataforma oferece todas as funcionalidades e serviços bancários, como a possibilidade de enviar e receber depósitos por transferências ou Pix. Com recursos nas contas dos clientes para serem movimentados, é possível fazer compras pela internet ou em estabelecimentos físicos, com pagamentos diretamente na maquininha.

(Foto: Reprodução/Agência Brasil)

Formas de recebimento do Abono

Caso possuam conta na CAIXA, os trabalhadores nascidos em março, abril, maio e junho poderão movimentar os valores com a utilização do cartão da conta ou ainda pelo Internet Banking CAIXA, pelo celular ou computador.

Para quem não possui, foram abertas de forma automática e gratuita Contas Poupança Social Digital que são movimentadas pelo CAIXA Tem.

Nos casos em que o valor do Abono Salarial não possa ser creditado em conta existente ou em Conta Poupança Social Digital, o trabalhador poderá realizar o saque com o Cartão do Cidadão e senha nos terminais de autoatendimento, unidades lotéricas e nos Correspondentes CAIXA Aqui, bem como nas agências, a partir do dia 11/02.

O saque pode ser realizado até 30 de junho de 2021. Em todo o calendário de pagamentos do exercício 2020/2021, a CAIXA disponibilizará R$17 bilhões para 22,2 milhões trabalhadores.

Quem tem direito

Podem receber o Abono Salarial 2020/2021 os trabalhadores inscritos no PIS há pelo menos cinco anos e que tenham trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2019, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. Também é necessário que os dados tenham sido informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) ou eSocial, conforme categoria da empresa.

Recebem o benefício na CAIXA os trabalhadores vinculados a entidades e empresas privadas. As pessoas que trabalham no setor público têm inscrição Pasep e recebem o benefício no Banco do Brasil.

Inclusão financeira e digital

A CAIXA abriu mais de 105 milhões de Contas Poupança Social Digital em 2020 e promoveu a inclusão social e financeira de 35 milhões de brasileiros que nunca tiveram contas em banco.

A Conta Poupança Social Digital foi aberta para o pagamento dos benefícios emergenciais que ajudaram a reduzir os impactos causados pela pandemia na economia brasileira. Desde o dia 22 de outubro de 2020, com a sanção da Lei nº 14.075/2020, o uso da conta foi ampliado para o pagamento de diversos outros benefícios sociais e previdenciários.

Além do Auxílio Emergencial, a Poupança Social Digital também garantiu o pagamento do Saque Emergencial do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e o Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEm). Desde dezembro de 2020, os beneficiários do Programa Bolsa Família e do Abono Salarial PIS (Programa de Integração Social) também estão sendo contemplados com a Poupança Social Digital e contam com as facilidades do CAIXA Tem.

Mais de 120 milhões de pessoas – oito em cada 10 adultos no Brasil – foram beneficiadas pelos pagamentos realizados pela CAIXA. Já foram 612,4 milhões de pagamentos realizados em um total de R$351,8 bilhões. O CAIXA Tem foi o App mais baixado do Brasil em 2020, com 303,8 milhões de downloads.

Serviços do CAIXA Tem

O CAIXA Tem é um dos aplicativos de finanças mais leves do mercado. Simples e intuitivo, com linguagem baseada na das redes sociais, o CAIXA Tem oferece uma série de funcionalidades:

- Envio e recebimento de depósitos por transferência ou Pix;

- Pagamento diretamente nas maquininhas com QR Code;

- Pagamento de qualquer tipo de boleto e contas de água, telefone e luz direto no aplicativo ou casas lotéricas;

- Cartão virtual para compras online em sites e aplicativos;

- Recarga de celular;

- Saques sem cartão;

- Contratação de seguro;

- Consulta de saldo e extrato.

Pix

O Pix também está disponível para os usuários do aplicativo. O serviço funciona 24h por dia, sete dias por semana e todos os dias do ano. Para utilizar o Pix, basta o cliente cadastrar uma chave de identificação (chave Pix), que pode ser CPF, CNPJ, número de telefone, e-mail ou chave aleatória.

Cartão de Débito Virtual

É possível fazer compras com o Cartão de Débito Virtual em sites e aplicativos. Basta gerá-lo no CAIXA Tem. Para isso, basta entrar no aplicativo e acessar o ícone Cartão de Débito Virtual. Após digitar a senha do usuário, aparecerão os seguintes dados: nome do cidadão, número e validade do cartão, além do código de segurança. Ao lado do código, é preciso clicar em “gerar”. Pronto. O cartão está disponível. O código de segurança vale para uma compra ou por alguns minutos. Para realizar uma nova compra, é preciso gerar um novo código, o que garante mais segurança para os usuários.

Pagamento direto nas maquininhas

O CAIXA Tem também oferece a opção “Pague na maquininha”, forma de pagamento digital que pode ser utilizada em estabelecimentos físicos de todo o país. A funcionalidade evita que usuários precisem realizar grandes deslocamentos para acessar os recursos. O pagamento é feito com leitura de QR Code que pode ser facilmente escaneado pela maioria dos telefones celulares equipados com câmera.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário