Morro do Chapéu

Forte chuva com rajada de vento derruba posto de gasolina em Morro do Chapéu

Chuva foi causada por uma nuvem isolada que se formou sobre o Vale do Longá devido às altas temperaturas da superfície.

31/08/2021 10:25h

Compartilhar no

Os moradores do município de Morro do Chapéu, a 209 Km de Teresina, foram surpreendidos nesta segunda-feira (30) com uma forte chuva que derrubou árvores e até a estrutura de um posto de gasolina. O temporal registrou ventos de até 100 Km/h e deixou um rastro de destruição pelas ruas da cidade. O trânsito ficou complicado porque a sinalização urbana foi danificada, inclusive na estrada que dá acesso ao município.

Vídeos registrados por populares mostram a situação em que ficou Morro do Chapéu depois da pancada de chuva. Veja abaixo:



A chuva que caiu em Morro do Chapéu nesta segunda é categorizada como um evento extremo chamado de pancada isolada e chuva torrencial com fortes rajadas de vento. Trata-se de um fenômeno passível de acontecer mesmo fora do período chuvoso e é causado principalmente por causa das altas temperaturas, principalmente sobre o oceano. 

Quem explica melhor é o professor Werton Costa, climatologista da Uespi: “Temos um Atlântico mais quente que a média e isso faz com que boa parte da água se desloque para o continente e cause essas chuvas. Esses fenômenos extremos são resultantes dessa condição de temperatura mais elevada e é uma tendência desse período”, comenta.


O climatologista Werton Costa explica o causou a chuva que caiu em Morro do Chapéu - Foto: O Dia

Teresina já registrou um evento semelhante em outubro de 2019, em pleno pico do B-R-O-Bró. Na ocasião, a forte chuva que caiu na capital provocou falta de energia e queda de árvores. O fenômeno foi o mesmo que ocorreu agora em Morro do Chapéu: uma nuvem isolada se formou sobre a cidade e resultou em chuva intensa, localizada e com ocorrência de rajadas vento. 

B-R-O-Bró terá chuvas extemporâneas

Amanhã Teresina entra oficialmente no período mais quente do ano quando as temperaturas beiram e chegam a passar dos 40 graus. Mas mesmo com todo o calor, a capital piauiense também pode ter previsão de chuva durante o B-R-O-Bró, mas não há como saber se ela será na mesma intensidade que a ocorrida em Morro do Chapéu. 

Conforme explica Werton Costa, a partir da segunda quinzena de setembro poderá ser comum as chuvas isoladas. “Essa época que vai da segunda quinzena de setembro até novembro é período pré-estacional e durante ele são muito comuns chuvas isoladas e elas tendem a ser mais perigosas. Mas temos um indicativo muito grande da presença de nuvem e um aumento da umidade e isso tudo pode favorecer a ocorrência de chuva na capital”, finaliza.

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas