• Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Forte chuva provoca falta de energia e queda de árvores em Teresina

Na sexta-feira da semana passada, uma chuva na mesma intensidade atingiu a capital causando diversos estragos.

11/10/2019 17:57h - Atualizado em 14/10/2019 13:44h

A chuva que caiu em Teresina, no final da tarde desta sexta-feira (04), causou estragos em pontos da zona Sul da capital. No bairro Monte Castelo, o vento forte destruiu telhados e derrubou parte da fiação elétrica sobre uma rua.

Na Praça Hugo Basto, na Tabula, uma árvore caiu e atingiu a academia popular do local. Ninguém ficou ferido. 

Árvore cai sobre academia popular no bairro Tabuleta. Foto: O Dia. 

Ainda na zona Sul, na Avenida Principal do Saci e Maranhão, árvores caíram e o trânsito está completamente congestionado e o tráfego se encontra bloqueado no sentido Centro/Sul. 

Telhado desaba após ventania no bairro Monte Castelo. Foto: O Dia

Também houve a queda de um poste de média tensão na Avenida Gil Martins. Além disso, parte do Centro ficou sem energia elétrica. 

Em rede social uma telespectadora identificada como Ana Nogueira relatou o momento de pânico. “NUNCA na minha vida eu tinha dirigido na pressão que eu acabei de passar voltando do sítio, vendaval, placas voando na frente do carro, árvore caindo na minha frente na Miguel Rosa, um muro e placas caídas próximo da Engecopi, as ruas parecendo um rio, PENSE NUMA LOUCURA.”, escreveu. 

Parte da estrutura lateral de um supermercado também desabafou próximo a  Avenida Barão de Gurgueia. 

Supermercado é atingindo pelo vendaval na Avenida Barão de Gurgueia. Foto: Reprodução

Na sexta-feira da semana passada, uma chuva na mesma intensidade atingiu a capital causando diversos estragos.

O Corpo de Bombeiros informou que está atendendo os casos considerados de maior gravidade de acordo com a demanda, através do 193. 

O Portal Dia tentou contato com a Equatorial Piauí para esclarecimentos sobre a situação, mas as ligações não foram atendidas

Edição: Adriana Magalhães
Por: Jorge Machado, do Jornal O Dia

Deixe seu comentário