• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Júlia Beatriz marca primeiro gol com camisa da Seleção Brasileira sub20

Em vitória sobre a Colombia por 9 a 0, Júlia marcou o segundo gol da goleada. O Brasil disputa a Liga Sul-Americana Sub19.

19/09/2019 09:28h - Atualizado em 19/09/2019 12:52h

A seleção brasileira sub20 está disputando a Liga Sul-Americana Sub19 e na terça-feira entrou em campo e venceu sem dificuldades a seleção da Colômbia por 9 a 0, o segundo gol da goleada foi marcado pela piauiense Júlia Beatriz. O Brasil volta a campo na sexta-feira (20) quando enfrenta o Chile e no domingo (22) encara as donas da casa, Argentina.

"Estamos fazendo uma campanha incrível até agora. É manter essa pegada", disse Júlia Beatriz após a partida. 


Leia também:

Em nova fase, Júlia Beatriz é convocada para Seleção Brasileira sub20 


Na rodada de estreia do Brasil goleou o Uruguai por 6 a 1. Agora, acumulou uma nova vitória elástica com o placar de 9 a 0, em dois jogos são 15 gols marcados. A competição de base é importantíssima e serve como teste para o Sul-Americano da modalidade, que acontece no próximo ano. Atuando como atacante, Júlia vem sendo titular em todas as partidas.


Em vitória sobre a Colombia por 9 a 0, Júlia marcou o segundo gol da goleada. O Brasil disputa a Liga Sul-Americana Sub19 - Foto: Laura Zago

As categorias de base passaram quase um ano sem comissão técnica e por consequência sem atividade voltada as bases, no caso, sub17 e sub20 com novos técnicos passam por um momento de renovação. Na seleção sub20 o técnico Jonas Urias e a auxiliar técnica Jéssica de Lima realizam esse trabalho que prima por formar jogadoras e assim elevar o nível do futebol feminino no Brasil.

Júlia Beatriz, de 18 anos, atualmente veste a camisa do Iranduba, de Manaus e ao longo do ano de 2017 e 2018 vestiu a camisa da seleção brasileira sub17 e disputou torneios nacionais e internacionais. Agora, a jovem atleta vive a transição para categoria sub20. 

Por: Pâmella Maranhão, do Jornal O Dia

Deixe seu comentário