Kate Chopin: Uma mulher á frente de seu tempo

Isto era o que se dizia de Kate Chopin, nascida e falecida nos Estados Unidos (1850-1904).

27/10/2019 08:36h

Compartilhar no

Ousada na escrita e no conteúdo, essa mulher extraordinária surpreendia, a cada passo, uma sociedade machista, em que a mulher era vista como espécie de bibelô, criada para enfeitar uma casa, criada para ter um bom marido. Chopin surpreende pela habilidade narrativa e pela coragem em lidar com temas polêmicos. Já no final do século XIX, impõe corajosamente em sua literatura uma percepção apurada e crítica da sociedade.

Esse exemplo de bravura e persistência, ela herdara da avó, que, em pleno século XIX, foi a primeira mulher a se separar legalmente em Saint Louis (Missouri) e, já em idade avançada, tornou-se empresária, Chopin se tornou uma mulher destemida. Viúva aos 32 anos, teve de se sustentar sozinha, vindo a descobrir sua verdadeira vocação quando passou a escrever regularmente, por indicação do seu terapeuta, tornando-se, assim, uma excelente romancista e conquistando sua independência como escritora.

"Culpados", mesmo sendo o primeiro romance escrito por Chopin, já apresenta uma maturidade narrativa inegável. Mas o que salta aos olhos do leitor contemporâneo, quando considerado o contexto social à época em que o livro foi publicado, é o questionamento ostensivo à orientação patriarcal que vigorava então (e, por que não dizer, vigora até hoje). Chopin encontrou inúmeras barreiras para publicar suas obras, visto que tocava em temas tabus como divórcio, alcoolismo, tensões raciais, preconceitos morais e religiosos, a frivolidade burguesa, etc. Sua escrita era uma afronta à moral estabelecida, na medida em que construía personagens femininas fortes, que representavam o desejo feminino de independência e colocavam em xeque preceitos morais e o comportamento padrão que a sociedade impunha à mulher, comportamento esse objeto incansável da ironia de Chopin. 

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário


Notícias Relacionadas