• Clínica Shirley Holanda
  • Semana do servidor
  • Netlux
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Cinco filmes nacionais chegam às telas dos Cinemas Teresina

Os Cinemas Teresina será o primeiro do Brasil a exibir o documentário ‘Meu Nome é Daniel’.

10/10/2019 12:01h

O cinema nacional é destaque nas estreias da semana nos Cinemas Teresina. Três filmes brasileiros terão pré-estreia essa semana: ‘Meu Nome é Daniel’; ‘Torre das Donzelas’ e ’Morto Não Fala’, além dos lançamentos de ‘Greta’ e ‘A Noite Amarela’.

Os Cinemas Teresina será o primeiro do Brasil a exibir o documentário ‘Meu Nome é Daniel’. No dia 15 de outubro, o filme terá uma sessão com debate nos Cinemas com a presença do diretor Daniel Gonçalves. A exibição seguida de bate-papo será a partir das 19h30.

Daniel Gonçalves. (Foto: Divulgação)

O filme é o primeiro longa brasileiro dirigido por uma pessoa com deficiência. No documentário em primeira pessoa, Daniel Gonçalves, jovem cineasta carioca que nasceu com uma deficiência que nenhum médico foi capaz de diagnosticar, percorre o caminho de sua vida para tentar compreender sua condição. Através de imagens de arquivo da família e de cenas gravadas hoje em dia, vamos passear por momentos, histórias e reflexões.

“Meu Nome é Daniel’ já passou por 12 festivais nacionais e internacionais em países como Alemanha, Austrália e Holanda e recebeu diversos prêmios como Menção Honrosa Direção de Documentário no Festival do Rio 2018, Melhor longa-metragem na Mostra de Cinema de Gostoso (2018), Melhor longa-metragem pelo Júri popular na Mostra de Cinema de Tiradentes 2019 e o prêmio  “Documental Calificado a los Premios Oscar de la Academia” do Festival Internacional de Cine de Cartagena de Índias 2019 que qualificou o filme para concorrer ao Oscar de filme documentário 2020.

O também documentário ‘Torre das Donzelas’ será exibido no sábado (12), às 11h. Dirigido por Susanna Lira, o filme mostra a história em relatos carregados de emoção da ex Presidente da República Dilma Roussef e do grupo de mulheres presas com ela durante a ditadura militar na Torre das Donzelas, como era chamada a penitenciária feminina.

Já o suspense ‘Morto Não Fala’ terá pré-estreia no domingo (13), às 10h30. No filme, o plantonista de um necrotério, Stênio (Daniel de Oliveira), possui um dom paranormal de se comunicar com os mortos. Trabalhando a noite, ele já está acostumado a ouvir relatos do além. Porém, quando essas conversas revelam segredos sobre sua própria vida, o homem ativa uma maldição perigosa para si e todos a sua volta.

Outro filme nacional que chega às telas dos Cinemas Teresina é ‘Greta’. Na trama, o enfermeiro Pedro (Marco Nanini), de 70 anos, trabalha em um hospital público de Fortaleza. Sua melhor amiga é Daniela (Denise Weinberg), artista transexual que enfrenta graves problemas de saúde. Quando ela precisa ser internada, mas não encontra leito disponível, Pedro sequestra um paciente recém-chegado, Jean (Démick Lopes), e o abriga em sua casa. Inicialmente, o enfermeiro tem medo do rapaz agressivo, que se esconde da polícia por ter assassinado um homem a facadas. Depois, nasce entre eles uma relação de cumplicidade e afeto.

O terror nacional ‘A noite Amarela’ é mais um destaque do cinema brasileiro que entra em cartaz. No enredo, em um breve feriado, um grupo de jovens decide ir até uma ilha. No entanto, lá se mostra um lugar extremamente escuro tanto durante o dia, quanto à noite. Além disso, acontecimentos sinistros acontecem enquanto os amigos estão por lá.

O novo filme de Will Smith é outra novidade dessa semana. No longa ‘Projeto Gemini’, Henry Brogan (Will Smith) é o melhor assassino profissional do mundo, com uma taxa de sucesso maior do que de qualquer outro, mas, quando decide se aposentar, acaba se tornando um alvo da Agência de Inteligência de Defesa dos Estados Unidos, para quem trabalhava anteriormente. Enquanto luta para se manter vivo, ele se depara com um clone de si mesmo e descobre que as ações do governo americano são para esconder um grande segredo, que só Brogan, com toda sua experiência, é capaz de desmascarar.

Fonte: Da Redação

Deixe seu comentário