Unimed Teresina realiza ação pelo Dia Mundial de Segurança do Paciente

A rede realizou ações entre os dias 14 e 17 de setembro para reformar a importância da data.

22/09/2021 20:04h

Compartilhar no

Dia 17 de setembro é comemorado o dia mundial de segurança do paciente e para reforçar a importância desta data, colaboradores dos hospitais próprios da Unimed Teresina realizaram ações entre os dias 14 e 17. 

O objetivo principal foi conscientizar e instruir toda comunidade hospitalar a adotarem as normas internacionais de segurança do paciente como hábito, garantindo um atendimento seguro e de qualidade a todos os pacientes.
Com o tema “Eu sou a segurança do Paciente", os colaboradores do Hospital Unimed Primavera (HUP) participaram de jogos interativos, desafios e charadas. 

Para cada etapa concluída, a equipe recebia uma peça para formar um quebra cabeça. Foi construído também um mural de boas-vindas para celebrar o aniversário de 5 anos da unidade. 

Já no Hospital Unimed Ilhotas (HUI), os colaboradores participaram de um game com roleta e da experiência com luz negra para constatar se as mãos estavam higienizadas corretamente. As ações envolveram todos os setores da unidade e tiveram como destaque a aplicação das normativas internacionais de segurança ao público infantil.

De acordo com o diretor técnico do HUP, coloproctologista Rafael Correia Lima, para tornar o aprendizado ainda mais prazeroso, para este ano de 2021 foi pensado em um game que contemplasse as seis metas internacionais de segurança do paciente. “Utilizamos um posto de enfermagem com 6 apartamentos e trabalhamos cada meta em um apartamento com jogos interativos, mistérios e charadas. A cada etapa concluída a equipe recebia uma peça para compor o quebra cabeça final. Elaboramos ainda um mural de boas-vindas com a linha do tempo desde 2017 para fazer alusão aos 5 anos de funcionamento do HUP e todas as ações já realizadas nesta caminhada”, explicou o diretor.  

Alberto Monteiro, pediatra e diretor técnico do HUI, disse que para evidenciar a importância da lavagem das mãos uma caixa de luz negra ficou disponível para o colaborador verificar se a higienização das mãos foi eficiente e preventiva. “A câmara escura com lâmpada de luz negra evidencia as áreas “mal lavadas” por meio da luz. Quanto melhor for a higienização melhor é o resultado”, disse o diretor.

As seis metas internacionais de segurança do paciente são:

  1. Identificação correta do paciente;
  2. Comunicação efetiva entre profissionais de saúde;
  3. Melhorar a segurança na prescrição de medicamentos de alta vigilância;
  4. Cirurgia Segura;
  5. Redução de risco de infecções associadas;
  6. Prevenção de danos decorrentes de quedas.

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário