Teresina não possui mais vagas de UTI Covid, informa FMS

Ao todo, a Capital possui 191 leitos de UTI Covid nas redes pública e privada.

23/02/2021 12:42h - Atualizado em 23/02/2021 13:15h

Compartilhar no

Fundação Municipal de Saúde (FMS) confirmou, nesta terça-feira (23), que Teresina está com 100% dos leitos de UTI Covid na rede pública ocupados. De acordo com a FMS, a Capital possui 202 leitos UTI, 290 leitos clínicos e 131 de observação, incluindo as redes pública, privada e filantrópica.


Leia mais: Após pressão, Piauí deve recuar de decreto que previa fechamento do comércio


Um boletim divulgado na noite de ontem (23), pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), apontava que a Capital possuía apenas 18 leitos de UTI disponíveis nos hospitais públicos, sendo sete restritos para crianças, gestantes e puérperas. Em menos de 24 horas, todas as vagas foram ocupadas.

Na Capital, o atendimento de pacientes com Covid-19 na rede pública é feito nas seguintes unidades: Hospital Geral do Monte Castelo, Hospital de Urgência de Teresina Zenon Rocha (HUT), Hospital da Policia Militar Dirceu Arcoverde (HPM), Hospital Getúlio Vargas (HGV), Hospital de Doenças Tropicais Natan Portella (HDIC), Hospital Infantil Lucidio Portella (HILP), Maternidade Dona Evangelina Rosa (MDER) e Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (HU/UFPI).

Aguarde mais informações.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário