Quarta de Cinzas dá início à Quaresma e igrejas fazem celebrações em Teresina

Em entrevista à O DIA TV, o padre da Igreja Santa Teresinha do Menino Jesus, Adão Cruz, falou sobre a importância da Quaresma

17/02/2021 15:52h

Compartilhar no

Fiéis da Igreja Católica iniciam nesta quarta-feira (17) um período de reflexão intensa e penitência para o período de Páscoa. Neste ano, por causa da pandemia do novo coronavírus, as celebrações em templos religiosos vão ocorrer de forma restritiva, seguindo protocolos sanitários.

Foto: Assis Fernandes/ODIA

A data de hoje marca o início do período conhecido como Quaresma – que nada mais é do que a preparação católica cristã para a Semana Santa. Momento para conversão, devoção, oração, caridade e penitência.

Em entrevista à O DIA TV, o padre da Igreja Santa Teresinha do Menino Jesus, Adão Cruz, falou sobre a importância da Quaresma. “Na quarta-feira de Cinzas, nós abrimos o tempo quaresmal. A igreja faz toda uma preparação para momentos maiores como a Páscoa, por exemplo. Esse período é tempo também de interioridade para receber dentro de si o mistério, ou seja, aquilo que é o eterno”, disse.

Adão comentou ainda sobre a vivência do período quaresmal em meio à pandemia. “O tempo que estamos passando ou vamos passar têm mostrado cada vez mais a importância da espiritualidade. Costumo dizer que algumas situações engrandecem a pessoa humana ou colaboram para que ela seja melhor: revolução, guerra, pandemia. Portanto, a espiritualidade é essencial porque quem passou por esse momento difícil é uma pessoa que se alimentou interiormente de oração, do jejum, e percebeu como é importante a vida espiritual para passar por momentos difíceis”, comenta. 

Na terça-feira (16), a Arquidiocese de Teresina divulgou uma lista com celebrações de missas a serem realizadas nesta quarta de Cinzas em todas as zonas da Capital. Durante as celebrações, os fiéis recebem a “imposição das cinzas”, como sinal de conversão cristã em preparação para a Páscoa. (Veja a lista clicando aqui). 

“A igreja recomenda que as paróquias façam as celebrações com seus fiéis para que eles percebam a necessidade que têm de receberem as cinzas para começar o tempo quaresmal em preparação a Páscoa do Senhor. Então, são 40 dias que iremos celebrar o jejum, a esmola e a oração. A Quarta-Feira de Cinzas é um dia de preceitos, de ir para a paróquia que você achar conveniente, de acordo com o seu tempo e horário, mas não perder a celebração da Santa Missa e entrar na fila para receber as cinzas e lembrar que tu és pó e do pó tu voltarás”, disse.

“A penitência é esse aspecto de mortificação. Ou seja, vencer a si mesmo, vencer suas situações secundárias. Nós temos coisas que são secundárias e coisas que são essenciais, que diz respeito à alma. Jejum, penitência são atitudes para nos lembrar que o importante são as coisas essenciais”, finalizou.

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário