• Teresina shopping
  • HEMOPI - Junho vermelho
  • ITNET
  • Novo app Jornal O Dia
  • TV O DIA att

Piauí sedia congresso internacional sobre Ufologia

O evento será realizado nos dias 24 e 25 de agosto de 2019, no Teatro 4 de Setembro e contará com a presença de renomados Ufólogos e Espiritualistas

06/06/2019 12:50h - Atualizado em 06/06/2019 17:23h

A Ufologia ou ovniologia é a ciência que estuda os objetos voadores desconhecidos ou não identificados, assim como a aparição de discos voares e seres extraterrestres, objeto ou sons alienígenas. Este é o tema do 1º Fórum Internacional de Ufologia e Espiritualidade que acontecerá nos dias 24 e 25 de agosto, no Theatro 4 de setembro em Teresina.

Alexandre Lauzid, nascido na cidade de Belém, no estado do Pará, é organizador do evento que tem como objetivo trazer as informações mais pertinentes e respaldadas sobre a ufologia no mundo. O empresário que atua no ramo da hotelaria, começou a estudar astronomia ainda na infância como relata, “ comecei a pesquisa sobre ufologia desde que eu tive meu primeiro avistamento em 1977, em Olinda (PE), para ser mais preciso no colégio Bairro Novo, na quadra de futebol às 2h, quando eu vi meu primeiro objeto voador não identificado e de lá pra cá tomei interesse e venho pesquisando”, relata.


Foto:Poliana Oliveira

palestrante explica que a temática por algum tempo não era aceita pela sociedade, mas que isso vem mudando, “a abordagem antigamente era desacreditada, os governo não queriam que fosse levado ao público um fenômeno que eles mesmos não sabem como lidar, não sabem da onde vem, para onde vai. Mas essa atitude já tem sido modificada através dos anos, em especial depois da abertura da internet muita informação está sendo trocada entre todos e os governos estão finalmente admitindo a existência desse fenômeno”, esclarece. 

Brasil pioneiro em admitir as ocorrências de fenômenos aéreos 

Segundo o ufólogo, em 1954, a Academia de Guerra do Rio de Janeiro e um grupo de Militares se reuniram para discutir sobre essas aparições, “disseram olha, isso não é uma ameaça para a nação, é uma coisa que aparece pacificamente e não causa nenhum dano a nos”, explica. 

Enquanto na contramão os EUA negou por muitos anos que esses fenômenos fossem verdade, “só agora em 2017 que o Pentágono, liberou uma entrevista para a New York Times, sobre o programa secreto de investigação de discos voadores no qual, eles admitiram terem gatos 22 milhões de dólares por ano, por 5 anos”, explana o pesquisador.

Nos últimos anos, outros governos também começaram a admitir a existência desses fenômenos como Chile, Argentina, Paraguai, França, Inglaterra e por último EUA.

Casos ufológicos no Brasil

As aparições no pais são algo recorrentes de acordo com as pesquisas, mas poucos tem acesso a esse tipo de informação “só aqui no Brasil nos temos os três maiores casos ufológicos do mundo, inclusive com participação militar, sendo o primeiro o caso da aparição Prato na Ilha de Colares, no estado do Pará, em 1977, onde a Força Área Brasileira passou 4 meses à frente do programa, antes de entrega-lo aos americanos. O segundo caso foi a noite oficial dos OVINIS, com participação de novo da Força Área Brasileira, 21 aeronaves que foram vistas no eixo São Paulo, Minas, Brasília, e o terceiro caso mais recente é o caso de Varginha”, expõe Alexandre Lauzid .

Aparições no Nordeste

Assim, os casos no Brasil costumam ser de grande repercussão, “nós tivemos o registro de abdução do ser humano por extraterrestres que ficou conhecido mundialmente, no caso Vilas Boas. Isso sem falar que o Nordeste é um celeiro de ocorrência ufológicas de Quixadá, no Ceará, em Guarabira e com a frequência fantástica e na chapada diamantina, nós temos ocorrências que o público em sua maioria não sabe”, menciona o empresário.

Ufólogos espíritas

A espiritualidade também será debatida dentro do encontro, como narra Alexandre, “por que espiritualidade tem tudo a haver com ufologia, por que nós somos seres humanos, somos espíritos vivendo uma experiencia humana e nossos espíritos vieram de onde? Então, quando alguém me perguntou se eu já vi um extraterrestre, eu digo, todo dia vejo um, quando olho para uma pessoa, por que todos nos somos extraterrestres, nosso espírito não é daqui , a matéria sim, a alma  não, nos estamos vivendo uma experiência humana, mas que daqui há alguns anos nos podemos estar visitando a terra como ser extraterrestres para ajudar no desenvolvimento humano, por que eles querem o nosso bem”, conclui.

O 1º Fórum Internacional de Ufologia e Espiritualidade do Piauí será realizado nos dias 24 e 25 de agosto de 2019, no Teatro 4 de Setembro, localizado na Praça Pedro II, Centro, Teresina/PI. O evento contará com a presença de renomados Ufólogos e Espiritualistas, tais como: Gary King, Ronald Maidana, Alexandre Lauzid, Mônica de Medeiros, Margarete Aquila e Antonio Carlos Miranda.

Alexandre é palestrante em ufologia, sócio fundador do IBREX (Instituto Brasileiro de Exopolítica) e membro do Conselho Editorial da Revista UFO, como consultor. Estudou Administração de Hotéis na Georgia State University, na cidade de Atlanta, estado da Geórgia, nos Estados Unidos da América, onde morou por 20 anos. Desenvolve atividades na BRAUFONET – Brazil Ufo Network. A BRAUFONET tem como missão a promoção de palestras, fóruns, congressos de ufologia, tour ufológico e analise dos fenômenos ufológicos embasados em dados científicos.

Mais informações e inscrições em: http://ufopiaui.com.br/ 


Edição: Adriana Magalhães
Por: Sandy Swamy

Deixe seu comentário