Incêndio atinge apartamento no Morada Nova e abala estrutura de prédio

O incêndio foi causado por uma vela acesa pela proprietária do imóvel localizado no terceiro andar de um dos prédios.

02/06/2017 16:22h - Atualizado em 02/06/2017 16:29h

Compartilhar no

Por volta das 14h30 desta sexta-feira (02) um incêndio de grandes proporções atingiu um apartamento localizado no bairro Morada Nova, na zona Sul de Teresina. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o incêndio foi causado por uma vela acesa pela proprietária do imóvel, e a intensidade das chamas pode ter abalado a estrutura do prédio.

O apartamento, localizado no terceiro andar do prédio, teve dois cômodos consumidos pelas chamas. De acordo com o tenente Edson do Corpo de Bombeiros, um apartamento localizado ao lado também chegou a ser atingido pelo fogo. Os moradores tentaram apagar as chamas utilizando extintores de incêndio, mas devido à intensidade do fogo, não conseguiram controlar o incêndio.

“Quando nós chegamos lá, o fogo já tinha atingido o quarto e outro cômodo da casa, e já estava atingindo o ar condicionado do outro apartamento. A informação que a proprietária nos deu é que ela saiu de casa e deixou uma vela acesa no local, e quando retornou para casa o fogo já estava se alastrando”, explica o tenente.

Após evacuarem a área e controlarem o incêndio, o Corpo de Bombeiros instruíram a proprietária a solicitar uma perícia para o local, para averiguar os danos causados à estrutura do prédio. “Como foi um incêndio de grandes proporções, com certeza a estrutura do prédio pode ter sido danificada, por causa das altas temperaturas”, afirma.

Velas: inimigo número 1

Ainda de acordo com o tenente Edson do Corpo de Bombeiros, incêndios causados por velas são comuns na capital. Por isso, o bombeiro explica que é importante que a população fique atenta aos locais onde as velas são colocadas após acesas. “A vela é o nosso inimigo número um. Nós orientamos as pessoas a sempre colocar a vela em um pires com água, mas as pessoas colocam em cima de móveis, eletrodomésticos, até em cima de sofá, e isso facilita”, finaliza.

Compartilhar no
Por: Nathalia Amaral

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário