Dr. Pessoa prepara decreto que autoriza comércio na quinta e sexta-feira 

Dr. Pessoa afirmou que concorda com as medidas restritivas para combater à Covid-19, porém, discorda do fechamento do comércio nesses dois dias da semana

16/03/2021 13:41h - Atualizado em 16/03/2021 14:10h

Compartilhar no

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), prepara um decreto que irá flexibilidade a abertura do comércio na capital às quintas e sextas-feiras. A medida foi anunciada pelo gestor na manhã desta terça-feira (16) durante entrevista no Palácio da Cidade, sede do Poder Executivo municipal.


Leia tambémToque de recolher: PM registrou 24 ocorrências por pertubação no último fim de semana 

No Piauí, 44% dos bares e restaurantes só conseguirão se manter por mais um mês 


Dr. Pessoa afirmou que concorda com as medidas restritivas para combater à Covid-19, porém, discorda do fechamento do comércio nesses dois dias da semana. “Concordo plenamente com os protocolos do COE e as determinações do governo do Estado, menos com essa particularidade do fechamento do comércio na quinta e na sexta-feira”, disse. 

Foto: Jailson Soares / O Dia

O decreto municipal irá divergir das medidas adotadas pelo governador Wellington Dias (PT)  que publicou no último domingo um decreto com novas medidas restritivas. Algumas das determinações entraram em vigor nessa segunda-feira (15), como o funcionamento de bares e restaurantes até às 20h e toque de recolher a partir das 21h.

As demais restrições começam a valer na próxima quinta-feira (18), quando apenas os serviços essenciais poderão funcionar em todo o estado até o domingo (21). O governo resolveu ainda antecipar o feriado do Dia do Piauí (19 de outubro) para esta quinta-feira,  e determinou ponto facultativo na sexta-feira (19).

A assessoria de comunicação da Prefeitura de Teresina informou que o decreto deve ficar no pronto até o final do dia, seguirá para assinatura de Dr. Pessoa e será publicado no diário oficial desta quarta-feira (17). 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário