Cronograma de reabertura em Teresina está mantido, diz Comitê

Assunto entrou em discussão depois que Firmino Filho afirmou que o processo poderia ser interrompido divido ao crescimento no número de óbitos por Covid-19 em Teresina

23/07/2020 15:46h - Atualizado em 23/07/2020 16:26h

Compartilhar no

Membros do Comitê Gestor de Medidas para Enfrentamento da Covid-19, da Prefeitura de Teresina, afirmaram à imprensa que o cronograma de reabertura das atividades econômicas em Teresina será mantido sem mudanças. A decisão aconteceu depois de uma reunião ocorrida nesta quinta-feira (23).

Foto: Arquivo O Dia.

A continuidade da reabertura das atividades econômicas ficou em discussão depois que o prefeito Firmino Filho (PSDB) afirmou na quarta-feira (22), durante apresentação de pesquisa sorológica, que o processo poderia ser interrompido  devido ao crescimento no número de óbitos por Covid-19 na Capital. A fala de Firmino gerou muita repercussão, já que essa não seria a primeira vez que setores da economia teriam que esperar para reabrir as portas.

Esse foi o caso, inclusive, da segunda etapa da Fase 1 da retomada gradual das atividades. A Prefeitura decidiu pelo adiamento do retorno  por causa do aumento no número de mortes. A reabertura, que estava segundo o cronograma marcada para ocorrer no dia 13, foi adiada para segunda-feira desta semana .

De acordo com o cronograma, estão previsto para retornar na próxima segunda-feira (27) setores de têxteis, vestuário, calçados e acessórios pessoais além do comércio atacadista e varejista de papelaria, materiais de escritório e publicações, atividades religiosas, atividades físicas ao ar livre em parques e espaços públicos, com exceção a atividades em grupo. Esse cronograma é o mesmo adotado pelo Governo do Piauí.

LEIA TAMBÉM: Reabertura da economia no Piauí: veja calendário do varejo, atacado e shoppings 

A reabertura acontecerá de forma gradual e setorizada, levando em consideração o risco epidemiológico e a adesão das empresas e prestadores de serviços às medidas sanitárias estabelecidas pelos protocolos.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Por: Jorge Machado, do Jornal O Dia

Deixe seu comentário