Covid: 2 mil pessoas não voltaram aos postos para receber 2º dose da vacina em Teresina

São profissionais de saúde e idosos que já estão no tempo de completar a imunização, mas ainda não compareceram aos postos de vacinação.

16/06/2021 10:27h - Atualizado em 16/06/2021 10:58h

Compartilhar no

Teresina tem pelo menos 2 mil pessoas aptas a receberem a segunda dose da vacina contra a covid-19, mas que ainda não compareceram aos postos de imunização. São profissionais de saúde e idosos que já receberam a primeira dose do imunizante em março e abril e que ainda não se apresentaram para completar o esquema de imunização. 


Leia também: Teresina começa a vacinar o público em geral contra a covid a partir de amanhã 


“Esse número era até maior na semana passada. Eram em torno de 3 mil pessoas aptas a completar sua imunização, mas que ainda não tinham procurados os postos. A gente já conseguiu dar uma reduzida bem grande e a nossa intenção é reduzir cada vez mais essa fila. A grande maioria está comparecendo para a segunda, temos respostas muito positivas, mas tem sempre um ou outro que perde a data ou porque esqueceu ou porque perdeu o cartão”, explica Emanuelle Dias, coordenadora da Campanha de Municipal de Vacinação contra a Covid-19.


Emanuelle Dias é coordenadora da Campanha Municipal de Vacinação em Teresina - Foto: Assis Fernandes/O Dia

É importante lembrar da necessidade de completar o esquema vacinal e tomar a dose de reforço, porque a primeira aplicação sozinha não é suficiente para garantir a imunização completa contra o coronavírus. E mesmo para aqueles que já se vacinaram duas vezes, os cuidados devem ser mantidos.

É o que lembra a infectologista Renata Beltrão. “Mesmo quem tomou as duas doses precisa manter os cuidados para proteger as outras pessoas que ainda não tomaram a vacina e também para se proteger. Nenhuma das vacinas se propõe a evitar que a pessoa pegue a doença. O que ela faz é reduzir os riscos de contaminação e amenizar a gravidade em caso de infecção”, explica.


Foto: Assis Fernandes/O Dia

Daí a necessidade, segundo afirma a média, de continuar usando máscara, álcool em gel, lavando as mãos constantemente e mantendo o distanciamento social. É que Teresina, nem o Piauí e nem o Brasil chegaram ainda a um patamar seguro de vacinação que permita o afrouxamento dos protocolos sanitários até então adotados. Isso, segundo os especialistas, só acontece quando pelo menos 50% da população ou mais tenha sido vacinada.

O Piauí, até hoje (16) vacinou 773.214 pessoas com a primeira dose e 306.724 com a segunda fosse. A proporção de piauienses vacinados com a primeira dose é de 23.56% e com a segunda dose é de 9.35%.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário