Comissão divulga orientações para celebrações litúrgicas na Semana Santa

A orientação é que as pessoas sejam informadas do horário de início das celebrações e participem da oração em suas casas

04/04/2020 13:51h

Compartilhar no

Diante da realidade que a população tem vivido por conta do coronavírus, e seguindo as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) de manter o isolamento social, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) definiu algumas práticas para o período de Semana Santa. As recomendações foram divulgadas pela Comissão Arquidiocesana de Liturgia, na Igreja particular de Teresina.

O coordenador da Comissão, padre Edvaldo Barbosa, reforça a importância da oração feita em casa. “Nosso maior desejo é que as famílias tornem-se as igrejas domésticas que não deixam de viver sua fé, principalmente neste tempo litúrgico tão rico de ensinamentos do grande mistério que a Igreja nos convida a viver a cada ano, por ocasião da Semana Santa”, afirma.

(Foto: Reprodução)

O Decreto sobre a Semana Santa 2020, divulgado pela Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos e traduzido pela CNBB, reforça também que a data da Páscoa não pode ser transferida, mas deve ser celebrada sem a presença dos fiéis na igreja. A orientação é que as pessoas sejam informadas do horário de início das celebrações, para que possam participar da oração em suas casas, fazendo uso diretamente dos meios de comunicação social.

“Fomos desafiados a reorganizar nossa vida em todos os sentidos (trabalho, lazer, convívio familiar e na comunidade cristã). Teremos uma Semana Santa muito diferente dos anos anteriores. Certamente, iremos sentir falta da procissão de ramos em nossas paróquias, da via sacra pelas ruas, de uma noite luminosa como a Vigília Pascal e da nossa belíssima procissão do Teresina Ressuscita com Cristo. Mas podemos viver este tempo em casa, com a família, sorrindo, cantando, arrumando nossa casa, e rezando”, reitera o sacerdote.

O Domingo de Ramos marca o início da Semana Santa e celebra a entrada de Jesus em Jerusalém. Para esse dia, a Comissão de Liturgia apresenta algumas sugestões aos fiéis da Arquidiocese para vivenciar o dia com fé e esperança,  simbolizando a unidade de cada família com a Igreja de Cristo.

- Recomendações:

  1. Rezar pedindo a graça de bem viver a Semana Santa, ainda que em recolhimento em casa.

  2. Colocar no portão ou na porta de casa (em lugar bem visível) alguns ramos. Marcar a casa é uma característica do povo de Deus.

  3. Participar das celebrações transmitidas pela televisão ou pelas redes sociais.

  4. Comprometer-se a, no futuro, participar ativamente da Coleta da Campanha da Fraternidade. Com ela, ajudamos os mais pobres.

  5. Motivar pelas redes sociais, telefonemas ou outros meios que mantenham o distanciamento social, outras pessoas a também celebrarem o domingo de Ramos desse mesmo modo.

Compartilhar no
Por: Da redação

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário