Cão é esfaqueado na garganta e campanha é criada para custear tratamento em Teresina

Segundo Rosana Silva, tutora do animal, o suspeito do crime é um vizinho que teria cometido o crime por maldade no último sábado (31)

03/08/2021 15:50h - Atualizado em 03/08/2021 16:58h

Compartilhar no

Umcão foi esfaqueado três vezes na região garganta enquanto estava na porta de casa no bairro Gurupi, na Zona Leste de Teresina. Segundo Rosana Silva, tutora do animal, o suspeito do crime é um vizinho que teria cometido o crime por maldade no último sábado (31). Sansão, como é carinhosamente chamado, foi socorrido pela polícia ambiental e levado ao Hospital Veterinário da Universidade Federal do Piauí (HVU-PI). Ele segue estavel. 

Foto: Reprodução/Redes Sociais

“Ele estava só com a cabeça do lado de fora do portão quando do nada recebeu as facadas na região da garganta. Esse vizinho passa todos os dias aqui na rua xingando e chutando tudo que vê pela frente. Eu estava dentro de casa, ouvi o barulho e quando percebi tinha muito sangue espalhado pela casa. Ele chegou a ser preso, mas foi solto”, disse.

O crime só foi divulgado nesta terça-feira (03). Uma campanha nas redes sociais foi criada para custear o tratamento de Sansão no hospital. A tutora alega que não tem condições para arcar com os custos.

“Eu, meu esposo e meus filhos estamos muito tristes com toda essa situação. O tratamento do Sansão começou ainda no sábado e deve está dando mais de R$ 500. Nós não temos condições financeiras de arcar com todos os custos. As doações podem ser feitas pelo PIX 056 230 11357. O protetor de animais Dionísio Neto está nos ajudando nisso”, completa.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

O Portal O Dia tentou contato com a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente para comentar o caso, mas as ligações não foram atendidas. O espaço está aberto para esclarecimentos. 


Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário