• COMBATE AO MOSQUITO AEDES AEGYPTI 2019 - 2020
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Área da enchente não estava em mapa de risco, afirma Firmino Filho

Uma comissão técnica será formada para apurar eventuais responsáveis pela tragédia

06/04/2019 08:29h

O prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), afirmou que a região do Parque Rodoviário, zona Sul da capital, atingida por uma enchente na noite da última quinta-feira (4) não estava no mapa de risco da Superintendência de Desenvolvimento Urbano (SDU) responsável pela região. Ele esteve no local após a tragédia. 

“Não tivemos nenhuma denúncia, nenhuma reclamação. Nada formalizado junto as SDUs. Já conversamos com os superintendes atuais e anteriores, não existia e não estava no nosso mapa de riscos essa lagoa, que era feita a partir do represamento causado por este clube”, explicou o prefeito.

(Foto: Rômulo Piauilino/PMT)

Segundo Firmino, uma comissão de técnicos da prefeitura, em conjunto com o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Piauí (CREA-PI) e a Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), será criada para averiguar as causas que levaram a tragédia e punição dos possíveis responsáveis.

“A equipe técnica irá estudar o que aconteceu, mas o que se acha é que ao longo do tempo esses bueiros entupiram e perderam a capacidade de dar vazão. De alguma forma, essa condição levou ao represamento das águas e elas romperam o muro. Além de ser um clube privado, o local é cercado por matas e não era um problema visível, não estava dentro do mapa de risco”, comenta o gestor.

Edição: João Magalhães
Por: Breno Cavalcante

Deixe seu comentário