Após queda de drone roubado, homem é preso na zona Sul

A suspeita inicial é de que o aparelho estaria sendo usado para monitorar a 2º Cia do Promorar

21/03/2019 10:58h

Compartilhar no

Um homem foi preso em flagrante após a queda de um drone na 2ª Cia do Promorar. a suspeita inicial é de que o suspeito, identificado como Wilderson Ricardo Lustosa Moraes, estaria usando o aparelho eletrônico para monitorar a companhia da Polícia Militar. A prisão ocorreu nesta quarta-feira (20), na zona Sul de Teresina. 

O comandante da 2ª Cia do Promorar, capitão Paulo Silas, conta que um dos policiais estava de plantão quando percebeu o aparelho sobrevoando o local. “Não podemos afirmar, pelo menos até o momento, que de fato ele estaria monitorando a companhia. Contudo, ele foi preso pelo roubo do aparelho, pois foi comprovado que o mesmo era produto de roubo “, disse. 

Segundo o capitão, o suspeito já possui diversas passagens pela polícia. “O Wilderson Ricardo reside no bairro próximo a companhia, ele é conhecido por realizar roubos e furtos em Teresina. A linha de investigação no momento é o porquê e para quê ele estava gravando as imagens com o drone”, conta. 

O dono do aparelho eletrônico se apresentou à polícia e comprovou que era proprietário do objeto. O suspeito foi encaminhado para Central de Flagrantes de Teresina para realização dos procedimentos cabíveis.

Compartilhar no
Edição: Adriana Magalhães
Por: Geici Mello

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário