3ª dose: imunossuprimidos e Idosos de 87 anos podem agendar vacina hoje (07)

Para ter direito à vacina, os idosos devem ter no mínimo seis meses da administração da 2ª dose e os imunossuprimidos pelo menos 28 dias.

07/10/2021 11:45h

Compartilhar no

Hoje (07), a partir das 18h, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) abre mais uma etapa de agendamento para a vacina contra a Covid-19. Desta vez, as vagas são para dose de reforço de idosos de 87 anos e mais que não conseguiram ir aos drive thru e também pessoas imunossuprimidas de todas as idades, que receberão sua dose adicional.

O agendamento é feito pelo site http://vacinaja.fms.pmt.pi.gov.br/. A coordenadora da campanha de vacinação contra a Covid-19 em Teresina, Emanuelle Dias, ressalta que para ter direito à vacina os idosos devem ter no mínimo seis meses da administração da segunda dose, enquanto os imunossuprimidos devem ter pelo menos 28 dias.

Foto: Ascom/FMS

No momento da vacinação, os pacientes devem apresentar documento de identificação com foto, CPF ou cartão do sus e o cartão de vacina com o registro das doses anteriores. No caso dos imunossuprimidos, eles devem apresentar também um laudo médico ou prescrição que comprove a inclusão nesse grupo.

São consideradas pessoas imunossuprimidas:

1. Pessoas com imunodeficiência primária grave

2. Pessoas em quimioterapia para câncer

3. Transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas;

4. Pessoas vivendo com HIV/AIDS.

5. Pessoas em uso de corticoides em doses ≥20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥14 dias.

6. Pessoas em uso de drogas modificadoras da resposta imune

7. Pessoas com doenças auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias;

8. Pacientes em hemodiálise

9. Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas

De acordo com as orientações do Ministério da Saúde, as drogas modificadoras da resposta imune e doses consideradas imunossupressoras são as listadas abaixo:

– Metotrexato

– Leflunomida

– Micofenolato de mofetila

– Azatiprina

– Ciclofosfamida

– Tacrolimus

– 6-Mercaptopurina

– Biológicos em geral (infliximabe, etarnercept, humira, adalimumabe, tocilizumabe, canakinumabe, golimumabe, certolizumabe, abatacepte, secukinumabe, ustekinumabe)

– Inibidores da JAK (tofacitinibe, baracitinibe e upadacitinibe)

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário