• Oxenthe! Sunset
  • TV O DIA att
  • TV O Dia - fullbanner

Sistema Sebrae precisa construir pontes com o governo, diz João Henrique Sousa

Presidente do Sebrae afirma que é essencial trabalhar para inserir as micro e pequenas empresas no mercado global da produção e serviços

08/02/2019 16:20h - Atualizado em 08/02/2019 16:27h

O presidente nacional do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), João Henrique de Almeida Sousa, afirmou nesta quinta-feira (7), no encerramento do Encontro de Dirigentes, que a instituição precisa construir pontes com o governo para fortalecer parcerias em defesa das micro e pequenas empresas.

“Precisamos criar pontes com o novo governo, buscar o diálogo, conversar. Essa articulação, se bem executada, fortalecerá as parcerias em defesa dos pequenos negócios e contribuirá para a consolidação do processo de recuperação da economia do país”, disse ele para os superintendeste e diretores do Sebrae nos estados, durante debate que contou com a participação do presidente do Conselho Deliberativo Nacional do Sebrae, José Roberto Tadros, do diretor técnico, Vinicius Lages, e do diretor de Administração e Finanças, Carlos Melles.

Para João Henrique, as parcerias e uma articulação mais amplia com o governo devem ser buscadas não apenas pelo Sebrae, mas também pelas federações que representam as entidades do Sistema S. “Eu sempre digo que pelo diálogo é mais fácil criarmos soluções para os problemas do país”, explicou. Ele lembrou que as micro e pequenas empresas representam o segmento de negócios que mais gera empregos no país, e elogiou a palestra do secretário de Produtividade, Competitividade e Emprego do Ministério da Economia, Carlos da Costa, no primeiro dia do encontro.

Na palestra, Carlos da Costa afirmou que o governo federal está aberto a parcerias mais estratégicas com o Sebrae para promover melhorias na produtividade dos pequenos negócios. “O secretário Carlos da Costa disse exatamente o que nós, do Sebrae, pensamos: que as parcerias são essenciais para ampliar a capacidade produtiva dos pequenos negócios”, observou.

O presidente do CDN do Sebrae, José Roberto Tadros, pediu empenho dos novos dirigentes estaduais para promover a competitividade e o desenvolvimento sustentável pelos pequenos negócios e defendeu um trabalho em cooperação com outras instituições públicas e entidades de classe. “É essencial trabalharmos com afinco para inserir as micro e pequenas empresas no mercado global da produção e serviços e ampliar, cada vez mais, o percentual de participação dos pequenos negócios no PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro”, afirmou. 

Realizado na sede do Sebrae Nacional, o Encontro de Dirigentes começou na terça-feira (5) e foi encerrado nesta quinta-feira. Participaram mais de 80 representantes do Sistema Sebrae nos estados, entre superintendes e diretores técnicos e financeiros.


Fotos: Assis Fernandes/ODIA


Deixe seu comentário