Regina defende que PT seja privilegiado na distribuição de cargos no governo

Vice-governadora entende que não há motivos para descontentamento na base aliada de Wellington Dias.

29/03/2019 06:51h

Compartilhar no

A vice-governadora Regina Sousa (PT) afirmou nessa quinta-feira (28) que concorda com o critério defendido pelos deputados do Partido dos Trabalhadores, que pregam que a divisão de cargos no secretariado seja feita de forma proporcional à votação de cada um dos partidos da base. Para ela, o PT deve ser mais prestigiado, porque foi o partido que mais contribuiu para a reeleição de Wellington Dias (PT).  A proposta gerou reações na base aliada, principalmente, entre os membros do MDB. 

“Não entendo por que desagradou, porque eu acho que é uma forma democrática. A população votou, e os partidos que tiveram mais votos têm que ter um tratamento conforme a sua participação na votação do governador. Não há motivo para descontentamento, todo mundo vai ser contemplado”, disparou Regina. 


A vice diz que critério defendido pela sigla é democrático  e todo mundo será contemplado - Foto: Assis Fernandes/O Dia

A vice-governadora minimizou as recentes trocas de farpas entre membros da base aliada, por conta da discussão sobre os critérios da distribuição de cargos. “Isso é natural e acontece em todo lugar, basta olhar o que está acontecendo a nível nacional”, avaliou. 

Nos últimos dias, após a aprovação da reforma administrativa na Assembleia, os membros da base aliada intensificaram as discussões a respeito da distribuição de cargos no quarto mandato de Wellington Dias. O principal impasse diz respeito ao critério que deve ser adotado pelo governador para contemplar os partidos.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Por: Natanael Souza - Jornal O Dia

Deixe seu comentário