PSD já admite derrota na disputa pela vaga ao senado e fala em brigar pela vaga de vice

Com o recuo do PSD, o governador Wellington Dias praticamente garante duas vagas do PT na chapa majoritária já que Rafael Fonteles é quase um consenso

06/10/2021 09:37h

Compartilhar no

O presidente do PSD no estado, deputado Júlio César, praticamente admitiu, em entrevista na última terça (05), que o partido já não conta com a vaga ao senado, desejo inicial da legenda desde o início das discussões. Durante conversa com a imprensa o parlamentar revelou que o partido quer agora indicar o vice-governador, cadeira pleiteada também pelo MDB. Com o recuo do PSD, o governador Wellington Dias praticamente garante duas vagas do PT na chapa majoritária já que Rafael Fonteles é quase um consenso para o cargo de governador.

Júlio César mais uma vez reforçou que o partido tem tamanho e força suficiente para pleitear a cadeira e destacou que o PSD buscará o melhor para a chapa governista.  

“Nós continuamos com o desejo de participar da chapa, e nós estamos como partido mais leal ao governador e também que temos os melhores aliados em todos os municípios que temos prefeitos ou ex-prefeitos e outras lideranças. Temos esse crédito que busca o melhor resultado para a chapa majoritária. Reafirmamos o nosso desejo de participar da chapa majoritária com a indicação de vice”, finalizou o deputado. 

FOTO: Moura Alves/ODIA

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário