Prefeitura entrega novo prédio do CREAS e Conselho Tutelar na zona Sul

Elmano Férrer destacou importância das parcerias entre o poder público e instituições da sociedade

23/03/2012 16:41h

Compartilhar no

O prefeito Elmano Férrer e a secretária Graça Amorim, da Semtcas, inauguraram nesta sexta-feira, dia 23, o prédio onde funcionará o III Conselho Tutelar de Teresina e o Centro de Referência Especializada em Assistência Social - Sul (CREAS-Sul).

O prédio - que fica situado à Rua João Virgílio, nº 1.414, no bairro Vermelha - foi cedido à PMT por 20 anos, em regime de comodato, pela União Artística Operária de Teresina, cuja sede funcionava no local.

A região Sul era a única da capital que ainda não possuía um centro de referência em assistência social. A expectativa é que, inicialmente, pelo menos 500 famílias serão atendidas no local.

O III Conselho Tutelar, por seu turno, já existia, mas ainda não possuía prédio próprio.

Foto de Lina Magalhães / O DIA

Durante a solenidade, a secretária Graça Amorim afirmou que a inauguração do novo espaço representa um grande avanço para a assistência social da capital. "Teresina tinha apenas dois CREAS, um no Centro e outro na zona Leste. Hoje a cidade conta com um CREAS em cada região. Temos na zona Norte, Sudeste e, agora, na zona Sul. Com a concessão deste prédio para a prefeitura poderemos oferecer dois serviços de forma integrada", comemorou a titular da Semtcas.

O prefeito Elmano Férrer enfatizou a importância da celebração de parcerias entre o poder público e instituições da sociedade, e convidou outras instituições a se aliarem ao Poder Executivo. "Todos nós temos um papel muito importante nessa área (da assistência social). E esse espaço é uma demonstração de que juntos podemos superar qualquer dificuldade", discursou o prefeito.

O vereador Edvaldo Marques (PSB), presidente da Câmara de Teresina, esteve presente na solenidade de inauguração, da qual também participaram representantes da União Artística Operária de Teresina e de associações de moradores da zona Sul.

Os CREAS são responsáveis por oferecer os serviços especializados a indivíduos e famílias cujos direitos estejam sendo desrespeitados. O centro é responsável por , por exemplo, casos de abandono, abuso e exploração sexual, ameaça, exploração da imagem, trabalho infantil, violência, maus-tratos e discriminações.

Rita Lemos, que integra o grupo de cinco conselheiros do Creas - Zona Sul, lembra que a o Conselho Tutelar tem a função de dar o encaminhamento das famílias que passam por problemas para os devidos serviços oferecidos por centros como o CREAS e o CRAS. "Nossa atribuição é de encaminhar as famílias para o acompanhamento necessário, seja com psicólogos ou assistentes sociais", explica Rita.

Compartilhar no
Por: Ccero Portela

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário