• cultura teresina
  • Cobertura Zé Pereira
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Piauí receberá R$ 1,9 bi em investimentos dos Fundos Constitucionais

O recurso é gerido pelo Ministério do Desenvolvimento Regional e concedido por meio de bancos públicos nacionais.

21/01/2020 08:51h

O estado do Piauí vai ter acesso a R$ 1,9 bilhão referente aos Fundos Constitucionais no ano de 2020. O recurso, administrado pelo Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e concedidos por meio de bancos públicos, tem como objetivo aquecer a economia, além de gerar emprego e renda nas áreas atendidas.

Governador Wellington Dias. (Foto: Jailson Soares/O Dia)

A região nordeste receberá 29,3 bilhões, sendo R$ 19 bilhões diretamente destinados a investimentos nas unidades federativas. Em todo o Brasil, será aplicado R$ 46,3 bilhões Embora as operações de crédito sejam voltadas, prioritariamente, a atividades de pequeno e médio porte, também são asseguradas condições atrativas de financiamento a grandes investidores.

São apoiados investimentos em setores como agricultura, pecuária, indústria, agroindústria, turismo, comércio, serviços e infraestrutura. Os Fundos Constitucionais foram criados para implementar a política de desenvolvimento regional e reduzir as desigualdades entre as diferentes áreas do País. 

As operações de crédito possibilitam, em condições atrativas, o financiamento de projetos para abertura do próprio negócio, investimentos para expansão das atividades, aquisição de estoque e até para custeio de gastos gerais relacionados à administração – aluguel, folha de pagamento, despesas com água, energia e telefone. 

Para o setor rural, as taxas de juros são as mais baixas de mercado e contemplam agricultores familiares por meio do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Para ter acesso ao financiamento, interessados devem procurar os bancos públicos operadores do crédito: o Banco do Brasil atende o Centro -Oeste, o Banco do Nordeste é o responsável na região homônima, enquanto o Banco da Amazônia opera na região Norte.

Por: Natanael Souza

Deixe seu comentário