• Canta
  • SOS Unimed
  • Fagner
  • Trilha das emoções
  • Novo app Jornal O Dia

Paulo Roberto diz não ter interesse de permanecer no Solidariedade

Ele só deve procurar uma nova agremiação com a oficialização da sua exclusão ou na janela partidária do próximo ano.

04/09/2019 12:03h - Atualizado em 04/09/2019 12:07h

Respondendo a um processo de expulsão do Solidariedade (SD), o vereador Major Paulo Roberto afirmou que não tem a intenção de continuar nos quadros do partido, mas até lá, fará sua defesa. Ele só deve procurar uma nova agremiação com a oficialização da sua exclusão ou na janela partidária do próximo ano.

“Não vejo motivo para isso, estou no partido e no dia 31 de março eu tomo meu rumo. Agora, se o partido viabilizar meu rumo antecipadamente, irei procurar meus direitos”, declarou o parlamentar, que no passado chegou a comandar a sigla no Piauí.

Vivendo um impasse dentro do SD desde que o deputado Evaldo Gomes assumiu a presidência do partido, no início deste ano, o vereador responde agora a um processo por infidelidade partidária, ainda do pleito de 2018, movido por outro filiado da legenda. Ele discorda dos argumentos e acredita em perseguição.

“Não vou dar moleza, nem para o Evaldo nem para o partido, porque acho que estão fazendo uma injustiça [...] Fiz minha defesa mas se quiserem me expulsar não tem problema, até porque não me interessaria ficar com Evaldo Gomes mesmo não”, disparou Major.

Edição: João Magalhães
Por: Breno Cavalcante

Deixe seu comentário