• cachoeir piaui
  • Campanha salao
  • APCEF
  • Novo app Jornal O Dia
  • TV O DIA att
  • TV O Dia - fullbanner

Margarete Coelho disputa vaga na CCJ da Câmara Federal

O fato da CCJ ser a mais disputada entre os 513 parlamentares que compõe a Câmara, não tira o desejo de Margarete de participar da comissão.

05/02/2019 09:49h

A deputada federal Margarete Coelho (Progressistas) manifestou ao seu partido o desejo de fazer parte da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, uma das mais disputadas da casa. Em seu primeiro mandato na Câmara, Margarete, que também é advogada, pretende aplicar na comissão o conhecimento técnico que possui na área do direito constitucional.

“A CCJ é, no meu ponto de vista, o coração do processo legislativo. Qualquer matéria só tramita na casa, se houver hoje um controle da constitucionalidade. É um grande filtro das matérias que vão tramitar pela casa. Eu pesquiso nessa área há muito tempo, então o meu interesse é como parlamentar, cidadã e como pesquisadora”, afirmou Margarete.


Parlamentar tem atuação política e acadêmica na área do direito. Foto: Poliana Oliveira/ODIA

O fato da CCJ ser a mais disputada entre os 513 parlamentares que compõe a Câmara, não tira o desejo de Margarete de participar da comissão. “É mais disputada, mas isso não me desestimula, pelo contrário. Se ela é disputada, é porque é importante, e se é importante, interessa ao Piauí, e se interessa ao Piauí, interessa ao nosso mandato”, pontou.

A bancada do Progressistas é a primeira instância em que a deputada federal piauiense vai buscar a indicação para compor a CCJ. Caso seja escolhida, ela ainda vai ter que aguardar o processo de formação das comissões permanentes, de acordo com o que diz o regimento interno da Câmara.

Além da CCJ, Margarete Coelho também já manifestou o desejo de participar das comissões de defesa dos direitos da mulher, defesa do meio ambiente, e direitos humanos e minorias

Por: Natanael Sousa

Deixe seu comentário