Lula homenageia vítimas da COVID e elogia "avanços" na gestão de Wellington

Durante a solenidade o ex-presidente criticou Bolsonaro pelos desrespeitos às normas sanitárias

17/08/2021 14:31h

Compartilhar no

Foi intenso o início da agenda do ex-presidente Lula em Teresina. Pela manhã e tarde desta terça (17) Lula prestou homenagem às vítimas da Covid-19 e participou de uma solenidade de inauguração da reforma e modernização do Centro de Educação em Tempo Integral (CETI), no bairro Pedra Mole, zona leste de Teresina. Durante a solenidade o ex-presidente criticou Jair Bolsonaro pelo desrespeito às normas sanitárias e elogiou o que ele chamou de "milagre" feito por Wellington Dias no Piauí. 

Ao lado do governador, o ex-presidente plantou uma árvore em homenagem aos mortos pela Covid-19 no Brasil e assinou o termo que oficializou a instalação do ensino superior em todos os municípios do estado. Estudantes e profissionais do ensino técnico e profissionalizante de Guaribas, no sul do estado, prestaram homenagens ao ex-presidente. 

FOTO: Assis Fernandes/ODIA

Em seu discurso Lula lembrou o histórico de analfabetismo e desnutrição infantil, sempre associado ao Piauí nacionalmente. 

"Em 1980 foi a primeira vez que vim no estado, fizemos uma caravana por várias cidades do Piauí. Ouvir falar do Piauí era ouvirmos falar de pobreza, de fome, de desemprego. Todos tinham um tratamento pejorativo com o estado do Piauí. Guaribas era conhecida pela pobreza, o índice de analfabetismo e a desnutrição infantil era grande, por isso viemos aqui lançar o fome zero . Não tínhamos noção do que poderíamos fazer, acho que você, Wellington, conseguiu um milagre com a universidade em todas as cidades do estado. Fizeram uma segunda revolução neste estado com a educação. Esse estado que era sinônimo de pobreza, hoje é conhecido como o estado que mais cresce economicamente, que mais acredita no futuro. Agora não te chamo mais de índio, vou te chamar de Doutor governador, para ensinar aos outros" disse Lula. 

Recado a Bolsonaro

Lula ainda mandou ainda um recado a Bolsonaro e criticou a falta do uso de máscaras do presidente da República;

"Eu ainda não aprendi a fazer discurso com máscara, vou tentar falar pouco e falar devagar. Se eu não tiver o médico para dizer se eu tiver que tirar eu tiro. Tenho medo se eu não falar de máscara o presidente que não gosta de máscara vai dizer que ele estava certo" finalizou o ex-presidente. 

Rafael Governador

Em outro momento do início da agenda do ex-presidente pelo Piauí, Lula chamou Rafael Fonteles de governador, em tom informal o político elogiou o pré-candidato do PT ao governo do estado. 

"O meu carinho pelo Piauí e pelo governador Wellington Dias é muito grande e se Deus quiser o nosso futuro governador está aqui. Em breve vou poder dar um abraço e um beijo em todos" afirmou o presidente tocando no ombro de Rafael Fonteles.  

FOTO: Assis Fernandes/ODIA

Wellington fala em esperança

Em seu discurso o governador por várias vezes falou em esperança com a vinda de Lula ao Piauí, no fim o governador lembrou a prisão do ex-presidente na operação lava-jato; 

"O senhor nos traz esperança e nos inspira, quando diz que o Brasil precisa ter compromisso de tomar café, almoçar e jantar todo dia. O compromisso que nos ensina que a educação é a porta para a erradicação da pobreza, dos mais pobres no orçamento público. Isso nos impõe responsabilidade e firmeza para lutar. Temos que nos inspirar em Luis Inácio Lula da Silva. Somos o primeiro estado a ter educação técnica em todos os municípios, somos o primeiro com esse ato aqui a ter universidade em todos os municípios. Hoje aqui a mensagem é de gratidão. É por isso que queriam tirar o seu direito de falar, o direito de ir e vir, o senhor representa um perigo para aqueles que não acreditam nos mais pobres" finalizou Wellington. 

Nesta terça lula ainda participa de Live com representantes de movimentos sociais e amanhã fará visita no CEIR e dará coletiva aos jornalistas. 

FOTO: Assis Fernandes/ODIA

Compartilhar no

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário