Justiça Eleitoral decide amanhã impasse entre candidatos do Psol à Prefeitura de Timon

Além do agente comunitário de saúde e presidente da sigla em Timon, Erivaldo Lima, a vereadora e professora Maria de Fátima Oliveira da Silva, a Fafá, também disputa a candidatura.

06/10/2020 14:43h

Compartilhar no

Em entrevista à O Dia TV, canal 23.1, o candidato a prefeito de Timon pelo Partido Socialismo e Liberdade (Psol), Erivaldo Lima, informou que a Justiça Eleitoral deve decidir, nesta quarta-feira (07), o impasseenvolvendo duas candidaturas pelo mesmo partido à Prefeitura de Timon. Além do agente comunitário de saúde e presidente da sigla em Timon, Erivaldo Lima, a vereadora e professora Maria de Fátima Oliveira da Silva, a Fafá, também disputa a candidatura.

Foto: Arquivo O Dia

Segundo a legislação eleitoral, um mesmo partido não pode lançar dois candidatos ao cargo no executivo municipal, sendo o candidato oficial representado pelo número do partido, no caso do Psol, o número 50. Por conta disso, a justiça deve determinar qual dos concorrentes deve representar a sigla na disputa eleitoral deste ano, o nome escolhido pela direção local do Psol, Erivaldo Lima, ou aquela escolhida pela direção estadual do partido, a professora Fafá.

“Fizemos a nossa convenção no dia 12 e essa convenção nos formalizou como candidato a prefeito. Insistiram em registrar outra chapa, sabendo que ia passar por processo jurídico. Ontem tivemos uma decisão liminar dando aval para gente participar dos programas eleitorais e entrevistas como candidatos, e esse processo eu creio que se finda amanhã através de audiência”, afirmou Erivaldo Lima.

Ambos entraram com registro de candidatura para a Prefeitura de Timon. O imbróglio deve ser resolvido em audiência no Fórum Eleitoral de Timon amanhã, onde será decidido sobre qual chapa deverá representar o Psol nestas eleições.

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no
Por: Nathalia Amaral

Deixe seu comentário