Em discurso, Mourão pede apoio de piauienses ao projeto do governo Bolsonaro

Em um tom de agradecimento pela recepção no estado, o vice-presidente ressaltou conversa “franca, honesta e republicana” com o governador Wellington Dias.

26/04/2019 11:55h - Atualizado em 26/04/2019 15:33h

Compartilhar no

O vice-presidente do Brasil, general Hamilton Mourão (PRTB), recebeu das mãos do deputado Themístocles Filho, presidente da Assembleia Legislativa do Piauí, o título de cidadão piauiense.

A solenidade aconteceu no plenário da Alepi, com a presença do governador Wellington Dias, do ex-governador Wilson Martins, de membros da bancada federal do estado, de parlamentares da Casa e de outras autoridades - do Executivo e do Judiciário.

Em seu discurso, Mourão agradeceu a concessão da honraria e ressaltou a necessidade de diálogo para que o país possa avançar. O vice-presidente pediu o apoio dos piauienses ao projeto de governo de Jair Bolsonaro e disse ter tido uma "conversa franca, honesta e republicana" com o governador Wellington Dias em seu encontro com o chefe do Executivo piauiense no Palácio de Karnak.

Mourão recebe título de cidadão piauiense das mãos do deputado estadual Themístocles Filho (Foto: Jailson Soares / O DIA)

“O governo do presidente Bolsonaro tem se empenhado em mudanças profundas em nossa sociedade, o projeto de estado que visa o bem comum, a liberdade e a segurança das futuras gerações. Dessa forma, convido a sociedade desse generoso estado que nos ajude a buscar uma solução justa e duradoura para toda a nossa nação”, afirmou Mourão.

O vice-presidente desembarcou ontem à noite em Teresina e pela manhã se encontrou com o governador Wellington Dias na sede do Governo. O encontro, segundo Mourão, foi pautado por um tom franco, honesto e republicano. “Debatemos de forma sincera e tranquila os problemas que atingem o Brasil como um todo”, foi o que disse o vice-presidente, mas sem mencionar o teor do diálogo com o chefe do Executivo piauiense.

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão (Foto: Jailson Soares/O DIA)

Mourão relembrou ainda suas origens no Piauí. Neto e bisneto de piauienses, o vice-presidente usou um tom nostálgico para agradecer a acolhida e o recebimento do título. “É a primeira vez que venho ao Piauí, e desde que cheguei, foi como se tivesse chegado num lugar onde passei boa parte da minha vida. Me deixou marcado essa simplicidade do povo piauiense e me emociona esta homenagem que não é só a mim, mas a toda minha família, que durante muito tempo viveu aqui. Eu pude conhecer a história do Piauí e conhecer mais sobre onde tudo começou na minha história”.

Quem também relembrou as origens do vice-presidente foi o governador Wellington Dias. Em uma fala breve, o chefe do Executivo do Piauí disse que a concessão do título de Cidadão Piauiense a Mourão é “uma alegria muito grande” e que está “oficializando um filho do Piauí com todo o carinho e deferência”. Sobre a conversa que tiveram mais cedo, Wellington mencionou apenas que  foi recebido como outros líderes piauienses pelo vice-presidente e que trataram de temas importantes para o estado.

“É uma honra recebê-lo, principalmente por suas origens. Saudamos toda a sua família e esperamos que receba toda amizade e carinho do povo piauiense e se sinta em sua casa”, foi como finalizou o governador.

Além de Mourão, também foram agraciados com o título de cidadão piauiense o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB) e o desembargador Afrânio Vilela, vice-presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais.

A solenidade na Alepi foi bastante prestigiada por autoridades políticas e do Judiciário.

A solenidade começou com o deputado Zé Santana (MDB) dando boas vindas em seu discurso aos homenageados e ressaltando o apoio que os emedebistas darão ao governador do DF, Ibaneis Rocha, um dos homenageados, para ser o futuro presidente nacional do MDB. O deputado Fernando Monteiro (PRTB) também falou prestando homenagens ao vice-presidente Mourão e ao desembargador Afrânio. Logo depois discursaram os homenageados que agradeceram a honraria e citaram o orgulho de estar recebendo o título de cidadania paiuiense. 

Filho de piauienses, o governador Ibaneiz ressaltou em seu discurso os vínculos que possui com o estado. 

“Receber esse título é como receber a segunda certidão de nascimento. Sou filho de piauienses e garanto que o que o Piauí tem de melhor não são suas terras e suas riquezas, são suas pessoas”, afirmou.

Compartilhar no
Por: Maria Clara Estrêla

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário