• Novo app Jornal O Dia
  • ITNET
  • TV O DIA att
  • TV O Dia - fullbanner

Governo quer economizar R$ 150 mi após concentrar contratações na Sead

Segundo a administração, a medida vai ser importante para garantir o equilíbrio das contas do Estado.

03/01/2019 07:17h

O governo do Piauí quer economizar R$ 150 milhões por ano, com a unificação das contratações do Estado na Secretaria de Administração e Previdência. A medida foi anunciada nessa quarta-feira (2), após reunião da equipe administrativa, no palácio de Karnak. A partir de agora, para qualquer tipo de contratação, o órgão estadual precisa de um parecer do Conselho de Gestão de Pessoas da Sead.

De acordo com o secretário de Administração, Ricardo Pontes, a medida vai ser importante para garantir o equilíbrio das contas do Estado. “Hoje, as secretarias têm uma certa autonomia para realizar contratações, inclusive de terceirizados. Com essa medida, vamos agora centralizar esses contratos”, destacou.

Nos próximos dias, também deve ser feita a revisão de todos os contratos dos terceirizados, dos pedidos de promoções, progressões e de aumento. "Vamos rever também todas as condições especiais de trabalho que foram concedidas ao longo dos últimos quatro anos, para que possamos zerar e começar novamente a análise. Onde houver contratações em excesso, iremos readequar de acordo com a necessidade. Em áreas específicas, como por exemplo, saúde e segurança, estamos vendo com os próprios profissionais um levantamento da necessidade de pessoal", afirmou Ricardo Pontes.

Por: Natanael Sousa

Deixe seu comentário