Governo Federal libera R$ 10 milhões de emendas à deputada Iracema Portela

Deputada foi a quinta do país com o maior volume de emendas liberadas neste mês. PP já declarou votos a favor de Temer

25/07/2017 07:31h

Compartilhar no
A ONG Contas Abertas anunciou ontem (24) que só nos 19 primeiros dias deste mês, o Governo Federal liberou R$ 2.114.193.097,84 em emendas parlamentares. Deste montante, a deputada federal Iracema Portela (PP) recebeu R$ 10.116.109,00. Ela é a quinta colocada no ranking de detentores de emendas liberadas. 
A liberação de emendas parlamentares pelo Governo Federal avançou consideravelmente desde o mês passado, com a decisão do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, encaminhar a Câmara dos Deputados um pedido de autorização para que o Supremo investigue as denuncias da Procuradoria Geral da República, em que o presidente Michel Temer (PMDB) é acusado de cometer crimes de corrupção. 

Iracema Portela é do PP, partido que já declarou que será contra a continuidade de processo de Temer (Foto: Assis Fernandes/ Arquivo O Dia)

A apreciação da admissibilidade das denúncias ocorre dia 2 de agosto. A oposição acusa o presidente Temer de liberar recursos para garantir apoio de deputados. Parlamentares do PSD, PTB, PMDB e PP lideram a lista dos que mais tiveram suas emendas liberadas. 
Em junho, o valor de emendas liberadas também alcançou os R$ 2 bilhões. Na ocasião, o deputado federal piauiense Paes Landim (PTB) recebeu R$ 4,9 milhões. De acordo com o presidente da ONG Contas Abertas, Gil Castelo Branco, os recursos são festejados pelos deputados porque vão para obras e serviços em seus redutos eleitorais. 
O DIA tentou contato com a deputada federal Iracema Portela (PP), mas não obteve êxito. Seu partido, o PP, já fechou questão e vai apoiar para barrar as investigações contra o presidente
Compartilhar no
Por: João Magalhães

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!


Deixe seu comentário