• Cobertura Zé Pereira
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Governador Wellington Dias discute em Brasilia alongamento de dívida

Na pauta, ele tratou de temas de interesse dos governos do Piauí, Goiás, Acre e outros governadores.

25/01/2020 08:40h - Atualizado em 25/01/2020 08:45h

O governador Wellington Dias foi recebido na quinta-feira (23), em Brasília, pelo secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Facundo de Almeida Junior. Na pauta, ele tratou de temas de interesse dos governos do Piauí, Goiás, Acre e outros governadores. “Discutimos sobre um regramento que nos permite as condições de negociação de parte da dívida que tem taxas de juros mais elevadas e prazos mais curtos. Assim, podemos fazer um alongamento com prazos maiores e taxas mais baixas”, explica o governador.


Governador discute em Brasilia alongamento de dívida. Fotos: Arquivo O Dia

Segundo o governador, o Piauí fechou o ano de 2019 com uma dívida das mais baixas do Brasil. “Mesmo com a operação de crédito que fizemos, ficou algo em torno de 48% da receita corrente líquida”, disse. Com o possível alongamento da dívida, o estado terá mais recursos para investimentos. “Por ano, pagamos mais ou menos cerca de R$ 450 milhões e com esse prazo estendido vamos reduzir para cerca de R$ 250 milhões. Assim, o estado terá aproximadamente R$ 200 milhões para investimentos e a boa notícia é que houve acordo sobre uma modelagem que foi apresentada pelo Governo Federal e a previsão é de que projeto deve ser editado na próxima semana”, informou.

Edição: João Magalhães

Deixe seu comentário