Georgiano confirma interessa na vaga federal e diz “queremos respeito e reconhecimento”

Na disputa pela vaga de vice-governador da chapa majoritária com o MDB, o partido pode ver a sua estratégia desmoronar caso o presidente da Assembleia, Themístocles Filho, seja o escolhido.

19/11/2021 09:27h - Atualizado em 19/11/2021 09:37h

Compartilhar no

O deputado estadual Georgiano Neto (PSD) cobrou “respeito e reconhecimento” dentro da base governista em entrevista concedida na manhã da última quinta (18). Na disputa pela vaga de vice-governador da chapa majoritária com o MDB, o partido pode ver a sua estratégia desmoronar caso o presidente da Assembleia, Themístocles Filho, seja o escolhido para o posto. Alternativa para a cadeira de deputado federal, Georgiano, confirmou que tem interesse na vaga. Uma reunião com o governador Wellington Dias, na próxima semana, pode definir os rumos da legenda.

Georgiano explicou que o seu nome pode ser escolhido para deputado federal, “Em um cenário de o deputado Júlio César compor a chapa majoritária o nosso nome está a disposição para disputar uma vaga a Câmara dos deputados. Temos dialogado e devemos voltar a conversar com o governador esse mês ainda, assim que ele voltar da Escócia”, disse. 

Para o deputado a reunião com Wellington Dias será crucial para o futuro dele e do PSD. “Temos buscado o entendimento e reafirmamos o desejo de participar da chapa majoritária na vaga de vice. A partir daí o partido irá se reunir novamente e decidir os rumos para 2022. A expectativa é que essa definição aconteça ainda este ano, até por que todos os partidos devem se preparar e preparar suas chapas, quanto mais cedo puder definir, melhor”, concluiu o parlamentar.

FOTO: Thiago Amaral/Ascom Alepi

Briga com o PT

O deputado rebateu novas críticas do PT ao PSD na briga pela vaga majoritária e lamentou os ataques. “Recebemos com estranheza essas declarações de membros do PT. Queremos o reconhecimento pelo trabalho que fizemos nas últimas eleições, em 2018, 2020. Não existe pressão e nenhum tipo de chantagem da nossa parte. O PSD não é um partido de apenas dois deputados, mas um partido de milhares de lideranças e forças políticas nos municípios, o que nós queremos é respeito e reconhecimento”, finalizou Georgiano Neto. 

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

Compartilhar no

Deixe seu comentário