• Campanha Mobieduca
  • Teresina shopping
  • HEMOPI - Junho vermelho
  • ITNET
  • Novo app Jornal O Dia
  • TV O DIA att

Fábio Abreu faz balanço positivo sobre o PI no Atlas da Violência 2019

Números do estudo mostram um aumento na quantidade de homicídios nos últimos dez anos no Estado.

06/06/2019 07:11h

O Secretário de Segurança Pública, Fábio Abreu , faz um balanço positivo dos dados divulgados nessa quarta-feira (05) no Atlas da Violência 2019, produzido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Ao avaliar os números do Piauí, que mostram um aumento na quantidade de homicídios nos últimos dez  anos, o gestor afirmou que é preciso analisar individualmente cada um dos períodos analisados e ressaltou que entre 2016 e 2017 houve uma redução nesse tipo de crime no estado. 


O parlamentar disse que é preciso analisar individualmente cada um dos períodos da pesquisa - Foto: Elias Fontinele/O Dia

“O Atlas inclui nesses dez anos um numero que vai puxar pra cima esses índices, que é o ano de 2014, que foi o pior ano da história  da segurança pública da historia do Piauí, em termos de dados. Enquanto esses anos de 2013,2014 e 2015 estiverem nessa comparação eles vão puxar pra cima esses dados. O que a gente precisa avaliar é que chegamos ao pico em 2014, e de 2015 até hoje, todos os dados são de redução, o que mostra que daqui a cinco anos vamos ter um índice de redução muito maior do que esse que estamos presenciando agora”, avaliou Fábio Abreu. 

Ainda de acordo com o Secretario de Segurança, a expectativa é que o Piauí apresente um melhor desempenho nos indicadores, após a implementação das medidas previstas no plano estadual de segurança. “Podemos afirmar que, com a nossa perspectiva de recursos e de uma estrutura mais organizada, é uma situação que vamos pleitear ser o estado mais seguro, através dessas ações que estamos planejando para 2019 e 2020”, pontuou Fábio Abreu. 

Edição: João Magalhães
Por: Natanael Souza - Jornal O Dia

Deixe seu comentário