• Natal
  • Policlinica
  • Motociclista
  • SOS Unimed
  • Novo app Jornal O Dia

Dr. Pessoa oficializa filiação ao MDB pregando união

Durante a solenidade, o ex-parlamentar pregou a união dos componentes da sigla e falou sobre a possibilidade de estar na disputa pela PMT.

22/08/2019 11:17h

Foi oficializada na manhã desta quinta-feira (22), em cerimônia realizada na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), a filiação do ex-deputado estadual, Dr. Pessoa ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB). Durante a solenidade, o ex-parlamentar pregou a união dos componentes da sigla e fez referência ao vereador Luiz Lobão e ao vice-prefeito Luiz Júnior, que apesar de serem do partido já manifestaram apoio ao grupo político do prefeito Firmino Filho (PSDB).

Dr. Pessoa é apontado como um dos principais nomes para disputar pela sigla a Prefeitura de Teresina nas eleições municipais de 2020. No entanto, o vereador Luiz Lobão também já manifestou desejo de ser pré-candidato a prefeito pelo MDB. O novo filiado afirmou que, sem consenso quanto a majoritária do partido no pleito do próximo ano, deve se levar em contato o desempenho em pesquisar eleitorais e, por fim, a decisão final nas convenções partidárias.

“Se não tiver o consenso, eu aceito o desafio na convenção, aceito o desafio nas pesquisas, aceito tudo dentro do eixo da democracia. Eu sou o pré-candidato do povo, estou no grupo do MDB, estou pronto pra seguir num olhar democrático. Eu só não quero apoio do que estão atolados na Lava Jato até a ponta do nariz”, enfatizou.

O ex-candidato ao Governo do Estado destacou a importância da transferência de poder após o término dos mandatos e da atuação do MDB durante o período ditatorial. “O MDB foi principal partido que trabalhou no período ditatorial, e até hoje. Durante o período ditatorial, [trabalhou] pelas mudanças e pela democracia”, disse. 

Já sobre as principais propostas caso seja lançado como candidato à Prefeitura de Teresina, Dr. Pessoa desconversou e afirmou que ainda não é o momento. Apesar disso, afirmou ainda que aceitaria o apoio do governador Wellington na disputa eleitoral. Contudo, vale lembrar que ambos foram adversários nas últimas eleições para o Governo do Estado, ocorridas em 2018. “O governador é um homem honrado. Eu com certeza absoluta aceitarei o apoio do governador”, reiterou.

Questionado sobre o embate polarizado com o governador Wellington Dias durante a campanha eleitoral de 2018, Dr. Pessoa argumentou que a sua divergência com Dias é apenas política. “Não tem uma fala minha agredindo a família dele ou a honradez do governador, estou preparado para a disputa das ideias. Embora não seja tão preparado, discuti e fui sozinho para o segundo lugar, o terceiro lugar teve 50 a 60 mil votos a menos do que eu. Então o povo está me querendo e eu estou querendo e abraçando o povo”, afirma.

Por: Nathalia Amaral e Breno Cavalcante.

Deixe seu comentário